Arte e Fest: Árvores secas viram obras de arte ao serem pintadas em praça na Z.Norte de Teresina

Arte e Fest: Árvores secas viram obras de arte ao serem pintadas em praça na Z.Norte de Teresina

Dora Parentes, Carlos Martins, Yolanda Carvalho e tantos outros artistas. Todos deram sua contribuição nessa imensa tela a céu aberto

Domingo, dia 8 de setembro. A data foi escolhida por um grupo de artistas para deixar a cidade mais bonita, ou melhor,mais colorida. Uma intervenção urbana transformou as árvores secas e sem vida da Praça do Marquês em verdadeiras obras de arte. A iniciativa foi do atelier Josefina Gonçalves com a colaboração do professor Cineas Santos, alunos do curso de artes visuais da Universidade Federal do Piauí, Grupo Estampido e artistas da União dos Artistas Plásticos do Estado do Piauí (UAPPI).

A manhã ensolarada não poderia ter sido melhor. Foram mais de cem pessoas que marcaram presença nessa iniciativa em favor da cidade. As tintas, que não eram tóxicas, foram usadas em troncos de raízes, não oferecendo nenhum risco às árvores saudáveis. ?Nós atingimos o nosso objetivo, pois conseguimos reunir um grande grupo de pessoas que vieram à praça participar. Foram crianças, jovens e adultos que deram sua contribuição para melhorar a praça que está abandonada, sem vida e que precisa de cuidados?, diz Josefina Gonçalves.

Dora Parentes, Carlos Martins, Yolanda Carvalho e tantos outros artistas. Todos, de pincéis nas mãos, deixaram a criatividade falar mais alto e transformaram o espaço sem cores em um lugar bem diferente e cheio de nuances. Cada um deu sua contribuição nessa imensa tela a céu aberto.

Quem não gostaria de se deparar com obras de arte em plena praça?

Uns menos, outros mais, o importante é que a ação foi conjunta e mostrou como é possível mudar a cidade de uma forma bem simples, mas com a responsabilidade de quem quer apenas contribuir com a capital piauiense, sem agredir o meio ambiente.

A intervenção urbana é a modificação do espaço com atitudes de variadas escalas, com propósito de mudar a cidade, mesmo que temporariamente, visando passar uma mensagem. Baseado nesse conceito, foi lançada a ação ?Árvore Viva?, que tem como objetivo chamar a atenção para o cuidado com a natureza de Teresina.

?Nenhum artista plástico, por mais competente que seja, é capaz de produzir uma obra de arte que possa nivelar-se com a beleza de uma árvore viva. O que fizemos foi devolver alguma beleza às árvores mortas da Praça do Marquês, na tentativa de sensibilizar as autoridades para a preservação do verde essencial.?, comentou Josefina Gonçalves.

O trabalho foi conjunto e ocorreu em grupos, na praça do Marquês, próximo ao centro da cidade. O que eles procuraram foi pintar partes das árvores secas. Não foi um trabalho somente restrito a artistas plásticos, mas aberto a quem se sensibilizou com a iniciativa e quis dar sua contribuição. Muita gente que não tinha nenhuma afinidade com as tintas também marcou presença.

?Esta intervenção é uma ideia de muitas cabeças que querem

chamar atenção para as árvores que estão morrendo em Teresina,

esta intervenção também quer transformar as árvores que já estão

secas em objetos de arte. Esta foi a primeira intervenção e de acordo com o resultado, faremos outras em outros pontos. Todos podem contribuir, a arte tem o papel de transformar a sociedade, o meio

ambiente e chamar a atenção para um patrimônio comum a todos

e com certeza teremos um resultado positivo?.

































Fonte: Liliane Pedrosa