Ator diz que é abordado por homens após personagem gay

Ator revela que tem sido abordado por homens que tem dúvida sobre a sexualidade

Rodrigo Andrade, que dá vida ao indeciso Eduardo, de "Insensato Coração", da Globo, vive um ótimo momento em sua carreira profissional. Aos 27 anos, o ator que nasceu em Altinópolis, mas foi criado em Franca, ambas cidades no interior de São Paulo, parece estar começando a conquistar seu "lugar ao sol". Na batalha desde 2006, quando começou com pontas pequenas como ator na Globo, ele só passou a ser conhecido do público depois de fazer par romântico com a personagem de Sophie Charlotte em ?Caras e Bocas?, mas só agora, Rodrigo realmente começa a sentir com mais intensidade o reconhecimento do público por seu trabalho. Em entrevista, o ator falou sobre a repercussão de viver um personagem gay, suas opiniões e como tem lidado com a fama ?repentina?.

Se na época de "Caras e Bocas", Rodrigo era abordado mais por meninas, o ator revela que agora tem sido paquerado pela ala mascculina. ?O assédio aumentou sim. Nenhum homem chegou e deu uma cantada na cara dura, mas percebo olhares de homens que a princípio não são gays, mas devem viver nessa mesma dúvida que o personagem?.

Há também os jovens que passam pela mesma situação de seu personagem na trama. Confusos, alguns chegam a desabafar com o ator se deveriam ou não "sair do armário, e assumir a homossexualidade.

Na internet o assunto também já se alastrou: ?No meu Twitter (@rodrigoandrade7) eu chego a receber mais de 30 mensagens por dia de quem passa pela mesma coisa que o Eduardo. Existem mais Eduardos por ai do que a gente imagina?, comenta. "O sair do armário não é fácil, mas essa atitude será para um bem maior que a felicidade dele?.









Fonte: IG