Bebi por amor, escreve sertanejo no facebook após bater carro

Bebi por amor, escreve sertanejo no facebook após bater carro

Rangel bateu em outro veículo na Rodovia dos Bandeirantes, interior de SP

?Tô sofrendo p amor,bebi p sofrer de amor,errei ao pegar o carro e sair sem estar conciênte do q fazia,peço desculpa aos fãs e amigos!Rangel", escreveu Rangel, que canta junto com o sertanejo Ronny, no Facebook oficial da dupla. A mensagem foi postada na manhã desta sexta-feira (1º), um dia depois de o cantor ter sido detido pela Polícia Militar Rodoviária Estadual de São Paulo por suspeita de embriaguez ao volante no interior.

De acordo com a polícia, a prisão ocorreu após Rangel bater seu carro em um outro veículo na Rodovia dos Bandeirantes. Os policiais haviam dito que o cantor fugiu após a colisão, perto do município de Itupeva. A vítima afirmou ter perseguido o sertanejo pela estrada até ele parar próximo a Campinas. O artista teria guiado a uma velocidade de 160 km/h.

O texto da página de relacionamentos na internet foi confirmado pela assessoria de imprensa da dupla sertaneja como sendo mesmo de Rangel. A assessoria informou que após prestar esclarecimentos em delegacia de Campinas, o sertanejo foi liberado.

Discussão pelo telefone

De acordo com a assessora Mariana Madjarof, o cantor não quer falar com a imprensa sobre o assunto neste momento. Ela disse que ele pediu para informar aos jornalistas que na quarta (29) estava em São Paulo, quando discutiu com a sua noiva, que mora em Piracicaba, por telefone. Após isso, ficou chateado, bebeu e saiu da capital em direção à cidade da namorada.

?Como Rangel toma remédios para um tratamento de garganta, o efeito do álcool na bebida foi potencializado pelos medicamentos e ocorreu esse acidente?, disse Mariana. ?Ele não é de beber. Só bebe socialmente e está envergonhado, arrependido. Ele está agora na casa da noiva em Piracicaba. Tanto que pede desculpas aos fãs?.

O produtor da dupla, Allyson Kleber, afirmou que a agenda de shows de Ronny e Rangel continua. "Só foi cancelado um evento fechado que iria ocorrer na noite desta sexta na capital porque Rangel ainda está um pouco abalado com o que ocorreu", disse Kleber.

No site oficial da dupla na internet, um dos sucessos é a música "Minha mulher não manda em mim", que trata de um homem que quer sair com os amigos para beber e se divertir com outras garotas sem se importar com a sua mulher.

"Isso não tem relação com o Rangel. É só uma música. Ele não é alcoólatra. Isso pode acontecer com qualquer um que se chateia por alguma coisa. Infelizmente ocorreu com ele?, disse Kleber.

Vodca e remédios

Na quinta-feira (30), a polícia encontrou uma garrafa de vodca vazia e remédios no carro de Rangel. O cantor chegou deitado no carro da Polícia Rodoviária, que o levou até um distrito policial de Campinas. Como não conseguia se levantar sozinho, ele teve de ser carregado para prestar depoimento, já que não tinha condições de ficar em pé.

Segundo a Polícia Civil, o sertanejo confessou ter bebido vodca e cerveja numa festa na capital paulista, mas não quis fazer o teste do bafômetro, para aferir a dosagem alcoólica em seu organismo.

Por esse motivo, Rangel foi levado para exame clínico no Instituto Médico-Legal (IML). Os exames vão atestar se ele estava embriagado ou não. Caso os testes confirmem o consumo de álcool, ele poderá ser indiciado e processado por dirigir bêbado. Corre o risco de perder a habilitação de motorista e ainda ter que cumprir uma pena de seis meses a três anos.

Fonte: G1