Beyoncé faz o maior show da carreira em São Paulo

Beyoncé faz o maior show da carreira em São Paulo

Chuva ameaçou estragar telão. Cantora se apresentou para 60 mil no Morumbi

Beyoncé fez o maior show de sua carreira neste sábado (6), em São Paulo. A cantora se apresentou para 60 mil pessoas no estádio do Morumbi e nem o temporal que atingiu a cidade horas antes do espetáculo conseguiu tirar o brilho da diva.

E olha que por pouco a chuva não arruína a apresentação na capital paulista. O imenso telão que ocupa todo o palco e os outros dois instalados nas laterais caíram por causa do vendaval e pifaram momentos antes do show. Um dos integrantes da produção disse ao R7 que, na hora, o susto foi tão grande que cogitou-se cancelar tudo.

No fim, o jeitinho brasileiro salvou a noite. O atraso foi pequeno ? de apenas 20 minutos-, e, às 20h20, Beyoncé surgiu entre luzes e fumaça.

De maiô dourado, cabelos ao vento e cercada de bailarinos sarados, a musa requebrou e cantou como Joelma e muitas outras sonham em fazer. Ao mesmo tempo, os fãs se esgoelavam tentando acompanhar o ritmo da canção Crazy in Love.

Diante da imensa plateia, Beyoncé não resistiu e confessou que estava impressionada com o público.

- Esse provavelmente é o maior show que eu fiz ou vou fazer em toda a minha carreira.

Foi a deixa para mais gritos histéricos. Com o início de Naughty Girl, os berros viraram um coro. A primeira parte do show ainda teve Get Me Bodied e Freakum Dress.

Beyoncé também quis mostrar seu lado suave e mergulhou em uma sequência na qual, toda vestida de branco, fez a sua versão de Ave Maria. A série de baladas teve fim com Diva. Já com um figurino diferente, ela cantou Radio, Ego e Hello.

Um dos momentos mais emocionantes do show foi quando Beyoncé avançou para um anexo do palco instalado bem no meio da pista. Perto dos fãs, ela cantou Baby Boy, Irreplaceable, Sweet Dreams e Check on It.

E ainda teve mais. Para agradecer aos 60 mil que estavam ali, ela fugiu do repertório e cantou Listen, da trilha sonora do filme Dreamgirls. Minutos depois, chegou bem pertinho de um fã e emendou as frases para puxar o hit Say My Name, que Beyoncé cantava quando fazia parte do grupo Destiny?s Child.

No fim do show, o que os fãs mais esperavam: Single Ladies (Put a Ring on It). Não é preciso dizer que o Morumbi veio abaixo. O bis foi uma homenagem a Michael Jackson. Enquanto cantava Halo, uma imagem do Rei do Pop era projetada no telão.

Em mais uma demonstração de carinho aos brasileiros, Beyoncé encerrou a apresentação enchendo os fãs de esperança.

- Muito obrigada a todos os brasileiros que me mandaram mensagens pelo Twitter dizendo que eu deveria me apresentar aqui. Eu não fazia ideia de como tenho fãs no Brasil. Já penso na hora de voltar.

Beyoncé se apresenta neste domingo (7) e nesta segunda (8), no Rio de Janeiro (RJ), e em Salvador (BA) nesta quarta (10).

Fonte: R7, www.r7.com