Blocos de rua fazem muito sucesso no carnaval de THE

As ruas ficam coloridas e o trânsito “abre alas” para a irreverência

As ruas ficam coloridas e o trânsito ?abre alas? para a irreverência. Máscaras, fantasias, confetes e muita alegria.

Não importa a idade: todos viram crianças e entram em um estado de espírito chamado Carnaval. Sem dúvidas, os blocos de rua são hoje a maior expressão carnavalesca de Teresina, que durante os dias de folia se apresentam nos bairros, nas avenidas e até mesmo no barzinho da esquina.


Bloco de rua marcam com sucesso carnaval de THE

Os mais tradicionais já levam para as principais avenidas de Teresina uma legião de foliões. O Capote da Madrugada aconteceu no sábado (1º), levando muita alegria e diversão para as ruas da zona Leste da capital. O bloco, que existe há 11 anos, destaca-se por manter a tradição da folia de Momo, com as marchinhas e fantasias. O Capote da Madrugada também é conhecido por todos como um ?bloco família?.

De acordo com Alexandre Sá, presidente do bloco, o que mais atrai as pessoas são justamente tais características. ?É um bloco família, é um espaço para todos, tudo aberto?. E acrescenta o que já é tradicional no Capote da Madrugada. ?O frevo, as marchinhas, gente participando. É uma festa que foi crescendo gradativamente, que se tornou bem popular?, destaca.

Como novidades deste ano, Alexandre destaca os dois trios, a estrutura cedida pela Fundação Cultural Monsenhor Chaves, o apoio da Prefeitura de Teresina, a orquestra com 24 componentes e a banda Folia de Mamolengo, que agitou os foliões. Segundo Daniel Aracy, presidente da comissão organizadora do carnaval da Fundação Cultural Monsenhor Chaves, o bloco traz o que eles desejam.

?A gente quer mais participação da sociedade e essa é uma iniciativa particular da própria comunidade que tem atraído muita gente. O poder público dá apenas um apoio, não financeiro, mas em forma de segurança, como os policiais, e os banheiros?. E a festa realmente caiu nas graças da população teresinense. Quem não viajou neste feriado ou quem deixou para pegar a estrada apenas no domingo, aproveitou para se divertir no Capote.

O caráter tradicional do bloco carnavalesco é o que mais encanta os foliões. À procura de um espaço para reviver o carnaval de rua e longe das agitações dos trios elétricos e multidões de pessoas, os teresinenses enxergam no Capote da Madrugada uma ótima opção para a diversão popular. Alexandre Leite, por exemplo, foi com a esposa e as três filhas aproveitar a folia do bloco. Ele destaca a segurança do local e o espaço que as crianças têm para aproveitar o carnaval.

?Essa proposta é muito boa, porque aqui é um ambiente seguro e é mais interessante do que alguns blocos de rua e do que viajar para locais que tenham trios elétricos. Aqui as crianças ficam mais à vontade, é um carnaval de clube e nesses outros tipos de carnavais vai muito adulto e jovem onde pretendem apenas beber e paquerar. Já nessa modalidade atrai mais a família?.

Sanatório Geral completa 10 anos de animação

No sábado (1º), outro bloco que também fez sucesso na cidade foi o Sanatório Geral, que neste ano completa 10 anos de tradição popular. Ao som de muitas marchinhas e músicas que relembraram o ritmo Olodum, o bloco reuniu várias pessoas no fim da tarde em frente à Igreja São Benedito e contou com a participação de foliões prontos para cair na brincadeira de um bloco que parecia reunião de amigos, devido o grande entrosamento dos participantes.

Para Arimatan Martins, diretor de teatro e organizador do bloco junto com Jorginho Medeiros, o que mais atrai as pessoas para o Sanatório é a possibilidade de encontro entre elas. Por acontecer em uma praça, o clima de amizade se torna ainda maior. ?As pessoas vêm para se encontrar. É como se a praça fosse o local onde elas buscam o Sanatório para se divertirem e se encontrarem?.

Ele acrescenta que nestes 10 anos de bloco, o Sanatório Geral só tem melhorado em questão de estrutura, pessoas, qualidade da banda oficial do bloco, a Eletrochoque, qualidade do serviço e como uma melhor opção para o sábado de carnaval. ?O Sanatório não foi criado para salvar o carnaval de Teresina. Ele foi criado para preencher um espaço no sábado e foi ganhando mais importância a cada ano. Aqui tem pessoas de todos os jeitos e queremos manter isso, essa espontaneidade do bloco?, afirma.

Com músicas tradicionais do carnaval e algumas atuais, porém mixadas no estilo Olodum, o Sanatório caracteriza-se por ter pessoas de todas as idades, a maioria dos foliões fantasiados e por possuir mais a cara do carnaval tradicional, já que, praticamente, é feito no meio da rua. O que lhe confere um caráter democrático e faz da festa um evento livre e alegre.

Rosângela Andrade fez questão de levar o pequeno Antônio Gabriel para se divertir no bloco porque, segundo ela, o menino adora. ?Ele tem seis anos e já está com três anos que trago ele. Além de ser um ambiente seguro, ele gosta muito. Esse bloco é imprescindível, principalmente para as crianças?. Silmara Silva também vai todos os anos curtir o bloco e sempre fantasiada. Neste ano a fantasia escolhida foi a de chapeleiro Maluco na versão feminina.

Clubes de Teresina comemoram Carnaval com matinês

Quem ficou em Teresina e prefere brincar o Carnaval em um local fechado, encontrou muitas opções no último domingo. Vários clubes da cidade, em praticamente todas as zonas da capital, ofereceram lazer para quem ficou em Teresina, no feriado do Carnaval.

A estudante Fernanda Matos conta que não deu para viajar e teve que buscar alternativas para se divertir com os filhos durante os dias de festa. A escolha dela para esse domingo foi um clube da zona Norte de Teresina. ?Eu optei por um local onde meus filhos pudessem se divertir e estarem seguros ao mesmo tempo, então acredito que nós podemos encontrar isso nos clubes da cidade?, afirmou.

Priscila Furtado também pensou da mesma forma. Para ela, a festa nos clubes, além de ser mais segura, é mais organizada. ?É um ambiente agradável, em que eu posso vir com a minha família e ter certeza de que teremos diversão garantida. Ontem fui com meus filhos e meu marido e é sempre uma boa opção?, pontuou.

Os clubes de Teresina ofereceram manhã de sol, com acesso às piscinas e ainda com bandas para animar quem estava no local. Alguns deles realizam essas atividades no domingo e terça-feira de Carnaval. Outros iniciaram ontem, também abrem hoje e só encerram amanhã a programação do feriado da folia de Momo.

A vice-diretora de um clube da zona Norte de Teresina, Maria do Carmo Leite, afirma que no seu clube, do qual faz parte, as atrações foram voltadas para a criançada, com banda infantil e ainda com concurso de fantasia para os pequenos.

Fonte: Pollyana Carvalho