Mulher tem gêmeos de marido morto a anos

Mulher tem gêmeos de marido morto a anos

Mãe decidiu manter planos de engravidar por inseminação artificial após morte do pai

Uma mulher britânica teve filhos gêmeos quase dois anos após a morte do pai das crianças.

Kelly Bowen, do País de Gales, concebeu os filhos com esperma congelado do marido, Gavin, morto de câncer em abril de 2008, aos 22 anos.

O casal já tinha outro filho, nascido em outubro de 2007 após um tratamento para fertilização, quando Gavin já havia sido diagnosticado com câncer.

"Por causa do tratamento de quimioterapia contra o câncer, meu marido teve que congelar seu esperma, e tivemos um filho, Shay, por inseminação artificial em outubro de 2007", contou Kelly, de 25 anos, ao jornal local "Glamorgan Gazette".

"Antes que ele morresse, decidimos que queríamos um irmão ou uma irmã para Shay, mas ele morreu muito pouco tempo depois. Mas depois que ele morreu, pensei: "Vou continuar com isso"", disse.

"Tentei duas vezes a inseminação artificial, e não havia funcionado. Na terceira tentativa, que seria a última, funcionou", afirmou Kelly.

Sarcoma de Ewing

Os bebês, a menina Ruby Gracie, e o menino Chaise Gavin, nasceram no dia 31 de dezembro, nove dias antes do previsto.

Fonte: g1, www.g1.com.br