Bruno Gagliasso nega agressão em boate

O ator disse que a confusão teria começado depois que esbarrou sem querer no comerciante

Acusado de agressão numa boate da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio, conforme O Fuxico noticiou, Bruno Gagliasso prestou depoimento na terça-feira (27), na 14ª DP (Barra da Tijuca). Após uma hora de esclarecimentos, o ator negou todas as acusações feitas pelo comerciante Michel Alberto Ferreira de Mello, com quem discutiu no dia 4 de maio. Bruno disse ter sido a vítima.

Na DP, o ator disse que a confusão teria começado depois que esbarrou sem querer em Michel. Ele estava acompanhado pela namorada Heleninha de Bourdon e do casal Fernanda Paes Leme e Thiago Martins. O comerciante teria começado a xingar o ator. Houve uma discussão que culminou em confusão generalizada. Bruno afirmou no depoimento que teria sido agredido com um copo e fraturado um dedo da mão direita.

O ator negou ao delegado Carlos Augusto Nogueira Pinto que tivesse atirado uma lata de cerveja no rosto do comerciante, além de afirmar que não estava bêbado. De acordo com o delegado, Bruno foi ouvido como testemunha, mas poderá ser indiciado, se comprovado que agrediu alguém. Ele disse ainda que, até agora, não encontrou provas para indiciar qualquer um dos envolvidos no caso.

Fonte: OFuxico, ofuxico.terra.com.br