Cadeirante é a nova repórter do "Fantástico""

No último domingo, Flávia Cintra mostrou que está conquistando seu espaço na TV e fez sua primeira reportagem

Depois de ter sua história de vida retratada por Alinne Moraes na novela "Viver a Vida"", da Globo, Flávia Cintra mostra que está conquistando seu espaço na televisão. A jornalista, que ficou tetraplégica aos 18 anos em um acidente de carro com um ex-namorado, é a nova repórter do programa "Fantástico"".

No último domingo, ela fez sua primeira reportagem na atração: sobre a polêmica que envolve as mamadeiras de plástico, proibidas em alguns países por uso indevido de materiais. Na ocasião, Flávia falou com mães e especialistas no assunto. Sobre a estreia, diz que se surpreendeu ao receber o convite. "Depois de ser entrevistada pela Renata Ceribelli sobre os recursos utilizados pela Luciana na novela, eu disse à produtora de reportagem que o "Fantástico" deveria fazer mais matérias relacionadas a questão"", conta. "Ela disse que teria de consultar o diretor do programa, Luiz Nascimento"", completa.

No dia seguinte, Flávia foi recebida pelo diretor, com quem combinou de enviar sugestões para o programa. "Uma semana depois, ele me ligou e fez a proposta para eu ser repórter. Fiquei muito feliz e surpresa"", comemora.

Orgulhosa, ela faz questão de dizer que se sente honrada por representar pessoas que vivem nas mesmas condições que ela. Corajosa, afirma que não terá problemas para desempenhar sua função como jornalista. "Preciso de apoio e a Globo me dá isso. Então, não terei dificuldade. Talvez vá para lugares que tenham escadas, por exemplo, mas não me preocupo. Se acontecer, vou encontrar uma solução. O problema não é a minha cadeira de rodas, e sim o lugar que não oferece acesso.""

Fonte: Folhapress