Christiane Torloni é acusada de racismo nos bastidores da novela Caminho das Índias

O desentendimento foi presenciado por produtores da Globo e pela atriz Letícia Sabatella

A atriz Christiane Torloni levou uma advertência da Globo após ser acusada de discriminação por uma camareira. As informações são da coluna Zapping, do jornal Agora São Paulo. A funcionária da emissora, que é negra e se chama Fátima, procurou o departamento de Recursos Humanos para fazer uma reclamação formal.

O desentendimento entre as duas foi presenciado por produtores da Globo e pela atriz Letícia Sabatella, durante o intervalo de uma gravação externa de Caminho das Índias. Um ônibus era usado como camarim, e, segundo a coluna, a camareira perguntou se Christiane precisava de alguma ajuda. A atriz teria lhe dito: "O que você quer? Está me seguindo? Sai, sai. Ô raça".

A emissora não confirma que Christiane tenha sido punida e a atriz nega a acusação da funcionária. Outra atriz que já se envolveu com esse tipo de problema foi Luana Piovani. Numa ocasião, ela foi acusada de agredir uma produtora do programa Faça Sua História e foi afastada das gravações na Globo.

Fonte: Terra, www.terra.com.br