Cobrador de ônibus disponibiliza acervo de 8 mil livros para passageiros lerem durante o trajeto

Para iniciar o projeto, Antônio, que sempre foi aficionado por leitura, gastava 1/4 de seu salário todo mês na compra de livros. Hoje tem um biblioteca com mais de 8 mil títulos.

o cobrador de ônibus de Brasília Antônio da Conceição, que criou o “Cultura no ônibus”, projeto que disponibiliza um acervo de livros para que os passageiros leiam durante o trajeto.

Para iniciar o projeto, Antônio, que sempre foi aficionado por leitura, gastava 1/4 de seu salário todo mês na compra de livros. Hoje tem um biblioteca com mais de 8 mil títulos.






Fonte: Razões para acreditar