Crítico detona Teló: "Sanfonas não têm espaço na música pop"

oe Bishop, do jornal inglês "The Guardian", disse que a música "Ai, se eu te pego" só não faz sucesso em países onde as pessoas são "normais".

Michel Teló é sucesso no Brasil e no mundo por causa do hit "Ai, se eu te pego", mas a música não agradou ao crítico Joe Bishop, do jornal inglês "The Guardian". Em sua revisão semanal, ele detonou a música do cantor brasileiro dizendo que sanfonas são antiquadas.


Crítico detona Teló:

"Essa música é basicamente por que não podemos confiar em europeus e sul-americanos com nada relacionado à música pop. Tem mais de 500 visualizações no YouTube, o que é o mesmo número de retweets que o Justin Bieber ganha por dizer "Bom dia", e é uma cortesia de Michel Teló, um músico brasileiro que acha que está tudo bem em colocar sanfonas em suas músicas. Deixa eu te dizer algo, Michel: sanfonas não têm espaço na música pop. É um instrumento antiquado que faz com que todas as músicas pareçam um jingle de comercial de rádios da Romênia, e é exatamente isso que "Ai, se eu te pego" parece. A música é número um em praticamente todos os lugares, menos aqui (Reino Unido) e nos Estados Unidos, onde as pessoas são normais, pensam direito e não falam português. Deus abençoe a rainha e tudo mais", escreveu em sua coluna.

Nos comentários da matéria, que está no site do jornal, os leitores criticam a postura de Joe e o chamam de preconceituoso. Alguns citam nomes da música pop britânica e americana como One Direction, Britney Spears e Madonna como exemplos de artistas que fizeram sucesso nos EUA e na Inglaterra e que não representam o que os críticos consideram música de qualidade.

Fonte: EGO