Curiosidades sobre o Guns N" Roses no Brasil

Tumultos e até mesmo Axl Rose em uma boate marcaram as turnês anteriores do grupo



O Guns N" Roses faz em São Paulo neste sábado (13) mais um show da turnê de divulgação do CD Chinese Democracy no Brasil. E Axl Rose, líder da banda, já aprontou uma das suas. Na noite da última quinta (11), o grupo faria um show secreto, apenas para vips, na boate Disco, em São Paulo. Todos os integrantes apareceram no local, passaram o som e, para a supresa de todos, o vocalista simplesmente não apareceu. Os fãs ficaram revoltados e houve briga.

Essa não é a primeira vez que Axl arruma confusão no Brasil. Nas duas vezes em que esteve no país, também houve tumulto e alguns momentos bizarros.

Em janeiro de 1991, o grupo americano nos visitou no auge da carreira. Eles tocaram em duas noites do Rock In Rio II, realizado no estádio do Maracanã, e estar por lá não foi exatamente visitar a Paradise City (Cidade do Paraíso). Pelo menos, não no sentido literal.

Nas duas apresentações, houve grandes tumultos, especialmente na parte de fora do estádio, com direito a confrontos entre policiais militares e o público e bombas de gás lacrimogêneo. Dentro do estádio, até mesmo assaltos ocorreram.

Uma curiosidade: Axl Rose não quis dar entrevistas mas acabou sendo a presença inesperada na festa na extinta boate Resumo da Ópera, no Rio, para comemorar a realização do festival.

Ele foi sozinho, e ficou curtindo na pista a seleção preparada pelo DJ da casa (que ao vê-lo por ali tocou Sweet Child O" Mine imediatamente), tomando cerveja e circulando acompanhado discretamente por um segurança do tamanho de um armário.

Em dezembro de 1992, a banda voltou ao país e tocou pela primeira vez em São Paulo, para divulgar os álbuns Use Your Illusion 1 e 2. A lama gerada pelo aguaceiro que caiu na cidade ajudou a tornar a apresentação das mais agitadas, com direito novamente a brigas entre público e os policiais. Welcome To The Jungle (bem-vindo à selva), título da música de mais sucesso na época, virou a tradução literal de tudo o que ocorreu por lá.

O principal incidente, no entanto, aconteceu no hotel Maksoud Plaza, onde a banda estava hospedada. Axl Rose, bravo pelo fato de os jornalistas ficarem por ali de plantão, jogou uma cadeira na direção deles.

Detalhe importante: o cantor estava muitos andares acima, e suas quase vítimas (felizmente ele não acertou os alvos), no térreo. A encrenca foi parar na polícia, mas ficou por isso mesmo.

Se agora o grupo só tem Axl Rose da formação original, o roqueiro paulistano matou as saudades do carismático guitarrista Slash em 2007. Sua banda Velvet Revolver, que também incluia o ex-Guns Duff McKagan, abriu a apresentação do Aerosmith no estádio do Morumbi, com ótima recepção por parte do público.

Aliás, teve muita gente que foi ao local especialmente para ver o guitarrista da cartola e dos longos cabelos encaracolados encarando Steven Tyler e seus asseclas como meros extras. Justiça se faça: os dois shows foram legais.

Duff McKagan, por sinal, parece que virou freguês do Brasil, pois tocou aqui em 2009 durante o festival Maquinaria com a sua banda, a Load.

Fonte: R7, www.r7.com