Dado Dolabella é absolvido de acusação feita por Luana Piovani

Ator foi acusado de ter desobedecido a ordem judicial de se manter longe da atriz.


Dado Dolabella é absolvido de acusação feita por Luana Piovani

Nesta quarta-feira, 12, Dado Dolabella foi absolvido da acusação de ter desobedecido a ordem judicial de se manter a pelo menos 250 metros de distância de Luana Piovani, no carnaval de 2009. De acordo com a sentença, o Ministério Público não conseguiu comprovar que o acusado agiu com dolo, ou seja, com a intenção de desrespeitar.

"Dado não tinha intenção. Ele nem sabia que a Luana estava no camarote, foi coincidência", diz o advogado do ator, Michel Assef Filho.

Na ocasião, Dado foi ao mesmo camarote onde estava Luana Piovani, na Sapucaí, no Rio, e ainda brincou com uma fita métrica, fazendo alusão ao que havia sido acordado.

Também nesta quarta-feira, 12, Dado terá uma audiência preliminar da acusação de maus- tratos feita por sua ex-namorada, Fabiana Vasconcellos Neves, no 9º Juizado Especial Criminal, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Ela acusa o ator de agredir o filho deles, Eduardo, de dois anos. Em seu relato, no dia 1º de abril deste ano Dado teria dado um tapa na cabeça do filho e xingado a criança de "débil mental". Ao EGO, Dado reconheceu ter chamado o filho de "débil mental", mas negou que tenha batido no menino: "Dei uma chacoalhada nele".

Fonte: EGO