Danituxa põe os "pratos na mesa" e responde as perguntas dos seus companheiros do Baphon

Danituxa põe os "pratos na mesa" e responde as perguntas dos seus companheiros do Baphon

A DaniTuxa é a única mulher do Baphon. a estudante de jornalismo é sabatinada pelos apresentadores do programa, os intrépidos André Moura e Ítalo John

O programa Baphon, sucesso nas manhãs da Rádio Boa FM, recentemente completou dois anos com muita festa, diversão e irreverência. Uma das pessoas responsáveis pela grande audiência ao lado dos baphônicos André Moura e Ítalo John é a Daniela Oliveira, mais conhecida como Danituxa. Hoje, o For Teens trás um pouco mais sobre a vida dessa futura jornalista.

Natural de Teresina, Dani é a única filha de três irmãos, aos 22 anos está terminando o curso de Jornalismo na Universidade Federal do Piauí, mesmo gostando da profissão prefere seguir a carreira pela área da comunicação.

Multiatarefada, ela se divide entre vários compromissos durante o dia, pela manhã está ao ar com o Baphon, à tarde na universidade, aulas de inglês, outro emprego na sexta e no sábado, à noite divide o horário da academia com a sua paixão que é o Balé.

A dança entrou em sua vida aos 11 anos de idade, parou por um tempo por conta das atividade acadêmicas, mas voltou às aulas de balé ano passado e desde então essa é a sua terapia diária para relaxar de uma rotina estressante.

“Eu voltei a fazer balé, o meu corpo não é o mesmo daquela época, pois é diferente quando se começa criança e estar fazendo nesta idade. Acho que é uma experiência super bacana, me ajuda a relaxar totalmente e todos deveriam experimenta”.

Outra paixão da sagitariana, é o mundo do entretenimento, seja a música, cinema ou seriados. A forte ligação com essa área vem de família, a música sempre esteve presente dentro de casa, tanto nos estilos da música popular Brasileira, quanto no rock e no pop.

Em sua setlist pessoal não faltam cantores do mundo pop e eletrônico internacional como David Guetta, Calvin Garris, Lady Gaga, Beyoncé e Rihanna. Além das bandas alternativas como os americanos The Black Keys e do Hip Hop com o rapper Jay-Z.

Dani entrou no Baphon uma semana depois da estreia do programa, após fazer testes de produção e locução foi chamada para fazer parte da bancada junto aos dois integrantes. Apesar do público alvo ser os jovens, o programa atrai pessoas de diversas idades, desde as crianças aos mais adultos.

O sucesso na rádio é tão grande que reconhecem a sua voz em todos os lugares. “As pessoas me reconhecem na rua, principalmente pela voz. Uma vez eu fui registrar um B.O. na delegacia e um rapaz que também estava esperando virou para mim e disse que conhecia a minha voz de algum lugar, depois ele perguntou se eu era a Danituxa da rádio”.

Após dois anos, o Baphon está vindo com novidades para comemorar os dois anos no ar, como o público infantil está muito presente durante o programa, o trio pretende presentear ainda mais as crianças que os escutam. Então vamos esperar para as novidades do programa nas próximas semanas.

Saia justa

Pedimos para que André e Ítalo fizessem algumas perguntas para Dani. Olha só a saia justa em que os dois colocaram a colega de programa.

André: Por que te chamam Dani Bruxa?

Dani: Quem me deu esse apelido foi o Ítalo, porque eu sou a mais controladora do programa. Controlo mesmo, se tiver falando besteira eu desligo o microfone, opero o som, falo quando tem que terminar a conversa. Também eles falam que eu sou feia e que pareço uma bruxa.

André: Alguém mais já disse que você é a cara de Enestina das Chiquititas?

Dani: Ai, Meu Deus!, é por causa do meu cabelo e a minha cara de chata. O Ítalo me chama de Enestina e os ouvintes no Whatsapp concordam. Mas também já falaram que eu pareço com a Cléo Pires, tome na sua cara.

André: A pergunta que não quer calar, valendo 1 milhão de reais em barras de ouro, que custam mais do que dinheiro: qual o seu baphônico favorito, André Moura ou Ítalo John?

Dani: Risos... Você quebrou minhas pernas, né? Eu não vou responder essa pergunta, risos...Ai, Meu Deus! São os dois, vocês são meus preferidos.


Ítalo: O que todo mundo quer saber, inclusive a gente que faz o Baphon. Você está namorando, solteira, enrolada, ficando com homem casado, ficando com bofe comprometido. Como anda o coração?

Dani: Risos.. Eu estou solteira, gente!. Meu coração está ótimo, muito obrigada, Ítalo John.

Ítalo: Eu também queria saber, às vezes ela vem trabalhar meio labrogeira, outras vezes em uma linha mais escândalo. Como você lida com a moda?

Dani: Eu adoro, acompanho através das redes sociais, do Tumblr, sigo alguns instagrans. Eu gosto de moda, mas o meu estilo é um casual mais básico.

Ítalo: Dani, você faz balé, os passos que você aprende na aula já ajudou em alguma outra coisa?

Dani: Risos... Meu Deus. Ítalo John essa está demais! risos... Já principalmente na academia.

Ítalo: Já fez um padedê para conquistar algum bofe?

Dani: Já, risos... Sempre ajuda, sabe por quê? A bailarina tem uma postura, então ajuda na paquera, as pessoas já olham diferente quando você chega, me ajuda na academia com a elasticidade. E também na hora de dançar um forró ou alguma outra dança.

Ítalo: Agora conta! Aquela marca no teu pescoço foi um potó, uma aranha ou um boy magia que te deu uma mordida?

Dani: Foi um potó, risos...










Fotos: José Alves Filho e Kelson Fontinele

Clique e curta o Portal Meio Norte no Facebook

 

Fonte: Rhauan Macedo e Tatiara de França