Dicas para manter a autodisciplina e não deixar nada para depois

Dicas para manter a autodisciplina e não deixar nada para depois

Interromper alguma atividade monótona no trabalho para tomar um café ou dar aquela espiadinha no Facebook é uma prática que pode atrapalhar a produtividade. Procrastinar e adiar a realização de tarefas importantes acaba atrasando a realização de outras atividades.


“O problema começa quando estas ações se tornam um padrão e te afastam de alcançar sonhos pessoais e metas profissionais”, afirma Villela da Matta, presidente da Sociedade Brasileira de Coaching.

Veja cinco dicas para manter a autodisciplina e evitar a armadilha de “deixar para depois”:

Análise: a primeira dica do especialista é analisar quais são os projetos e tarefas pendentes, quanto tempo cada um precisará para ser executado e quais os possíveis imprevistos. Depois disso, organize a agenda levando em consideração as prioridades de curto e longo prazo e trabalhe em cima dessas metas.

Distrações: outra fica de Villela é fugir daquilo que prende a atenção, atrapalha a produtividade e não agrega nada, como manter o Facebook aberto e ficar online em chats e outras redes sociais do tipo.

Intervalos: para manter a produtividade em alta, a dica é criar intervalos com tempos curtos e determinados para limpar a mente, se distrair e retornar à atividade anterior com mais foco.

Motivação: outro truque que o especialista ensina é ter claro o que você pode perder ao não ser disciplinado e coloque no papel todos os resultados positivos já alcançados por meio da disciplina.

Desistência: manter a autodisciplina é algo que requer força de vontade. Por isso, desistir no meio do caminho ou voltar a velhos hábitos é uma tentação que precisa ser vencida. Relembre quais as metas e quais os benefícios em alcança-las.

Fonte: Uol