Envolvidos em polêmica de estupro, Monique e Daniel podem entrar no próximo BBB; veja

Envolvidos em polêmica de estupro, Monique e Daniel podem entrar no próximo BBB; veja

Em 15 de janeiro deste ano, Daniel foi expulso do ‘BBB 12’ por ser suspeito de estuprar a colega de confinamento.

A próxima edição do ?Big Brother Brasil? promete um revival do casal mais polêmico da história do reality da Globo. Inocentado pela Justiça num suposto caso de estupro a Monique Amim no ?BBB 12?, o modelo Daniel Echaniz, 31 anos, assinou contrato de seis meses com a emissora, renováveis por mais seis meses, possivelmente para participar da 13ª edição do programa. Monique, 23, também fechou com a Globo para voltar à casa mais vigiada do País e já chegou, inclusive, a gravar chamadas para o reality, que deve estrear em janeiro de 2013.

Em 15 de janeiro deste ano, Daniel foi expulso do ?BBB 12? por ser suspeito de estuprar a colega de confinamento. Na época, em nota oficial, a Globo alegou que o paulista fora eliminado ?devido a um grave comportamento inadequado?. Mais tarde, durante a edição ao vivo, na segunda-feira, Pedro Bial confirmou a informação da exclusão de Daniel, mas não deu detalhes sobre o caso.

Na madrugada de domingo, após uma festa na qual os dois tinham bebido além da conta, as imagens do programa mostraram Daniel e Monique na cama, ele fazendo movimentos que insinuavam sexo. Na Internet, o rapaz foi acusado de ter abusado da gaúcha enquanto ela estaria dormindo, embriagada. A polícia bateu no Projac, no dia seguinte, para investigar o caso como estupro de vulnerável, e Daniel foi proibido de sair do País.

Em depoimento na 32ª DP (Taquara), Daniel negou que tivesse se aproveitado da colega de programa. Ainda no confessionário do ?BBB 12?, Monique também negou que tivesse rolado sexo e afirmou que tudo o que aconteceu foi com seu consentimento.

Em 20 de março, o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro encerrou e arquivou o inquérito policial.

Fonte: O Dia Online