Ex-BBB Marcelo diz que "tirou o atraso" com amiga e que agora chove mulher

Marcelo troca trabalho de administrador por carreira artística e conta que tirou o atraso com amiga: ‘Chove mulher’

Por várias semanas, o administrador Marcelo Zagonel foi o preferido do público para vencer o ?BBB 14?. Seu jeito insistente, brigão e sem medo de se mostrar por inteiro agradou uma legião de fãs apaixonadas, e que até hoje questionam sua derrota no último paredão para a grande vencedora Vanessa. Se para alguns esse curitibano alto, bonitão e de olhos verdes nadou, nadou, mas acabou morrendo na praia, para outros, ele foi e é motivo de orgulho e honestidade.

?Acredito que eu saí pelo mérito da Vanessa, pela união da torcida delas (o casal ClaNessa). Em momento algum eu pensei que iria ganhar o programa. Mas o que eu mais ouço nas ruas são pessoas satisfeitas com o meu comportamento, com o meu caráter. Para mim, isso vale muito mais que R$ 1,5 milhão?, comemora ele, que após ver o grande prêmio escapar pelas mãos, batalha agora por um lugar ao sol no mundo da fama: Marcelo acaba de trocar sua cidade natal pelo Rio de Janeiro para ficar mais perto dos compromissos profissionais. ?Deixei minha carreira como gerente e administrador na empresa de estacionamento do meu tio, em Curitiba, para focar na carreira de modelo?, conta.

Azar no jogo, sorte no amor

Parte da compaixão do público por Marcelo deu-se à rejeição sofrida por ele durante o confinamento. Primeiro por Letícia, que preferiu Junior. Depois, Angela, com quem traçou uma relação de amor e ódio. As duas não resistiram às insistentes investidas de Marcelo e acabaram se rendendo ao charme do galã.

?Eu gostava bastante das duas. Com a Letícia foi muito rápido, mas ela é bem cativante. Não cheguei a me apaixonar, mas gostei muito da Letícia, pelo jeito dela?, explica. Durante o programa, era comum as duas reclamarem da insistência e do jeito grudento do brother. Atitudes que, segundo Marcelo, foram intensificadas pela carência provocada no confinamento. Ele rebate os rótulos atribuídos:

?Eu nunca forcei nada com mulher alguma. Gosto de respeitar, de ir devagar, de conquistar. Não sou de desistir fácil. Nunca tive dificuldade para conquistar uma mulher, sei quando existem momentos de fazer acontecer. Não sou de rastejar. Na minha vida eu já levei vários nãos. E se eu fiz tudo aquilo com a Angela, foi porque eu sentia que ela também, lá no fundo, queria ficar comigo. E eu sabia disso?.

O último romântico

Hoje bonitão, Marcelo já teve a sua fase patinho feio. Por ser gordinho na adolescência (quem diria, não?!?), tinha muita dificuldade para chegar nas meninas. O jeito era tentar conquistar as amiguinhas do colégio com as palavras. ?Já que eu não tinha uma atração física, eu sempre fazia as coisas para tentar compensar. Eu tinha que conquistar escrevendo, aí mandava cartas de amor?, lembra. Hoje, a situação é bem diferente. ?Tenho tendência a engordar, mas muito feio eu não devo ser, né (risos)??. E aí, mulherada?

Ao contrário do jogo, Marcelo sempre teve muita sorte no amor. ?Nunca faltou mulher, pelo contrário, sempre choveu?, afirma, orgulhoso. E chove mesmo! Não durou muito para o brother tirar o atraso e matar a carência que tanto lhe consumiu no programa. ?Rolou com uma antiga amiga da minha cidade. Mas foi apenas uma única vez, e para acalmar os ânimos. Continuo solteiro e aceitando currículos?, brinca.

A próxima felizarda será a quarta namorada séria da vida do curitibano. Seu último e mais longo romance durou um ano, e foi recheado de romances, com direito a abrir porta do carro para amada e presentinhos surpresas. ?É difícil eu entrar numa relação que não seja pensando que vai dar certo?, avisa. Quando está solteiro, seu lema é conhecer e beijar uma mulher por vez. ?Não sou de pegar várias numa noite. Fico com uma só, abraçadinho e a noite toda. Sempre fui um cara para casar. Sou muito romântico?.

Macho com ?M? maiúsculo

O jeito sempre muito vaidoso e amizade com o agora grande amigo do peito, Roni, renderam à dupla alguns comentários um tanto quanto maldosos a respeito das suas masculinidades. Mas Marcelo garante que não está nem aí para todo esse disse me disse. Atualmente, os dois dividem o mesmo apartamento no Rio e já foram vistos correndo junto na Orla da Zona Sul. ?Não sou gay. O Roni é como se fosse o meu irmão. Sou muito bem resolvido com relação a isso, e ele também?, enfatiza Marcelo, encerrando definitivamente as especulações.

Briga com Cássio

Foi dele também um dos momentos mais tensos do ?BBB 14?, quando o colega de confinamento Cássio o acusou de ter abusado de Angela quando a mesma estava bêbada. Fora da casa e com os ânimos acalmados, Marcelo desistiu de seguir com a ideia de processar o companheiro de reality show, mas esperava dele um pedido de desculpas pelas afirmações durante a briga. ?Dele, eu esperava, sim?, confessa. Os dois chegaram a se encontrar por duas vezes fora da casa, mas nem chegaram a se olhar.

Quanto ao pivô da confusão, Angela, Marcelo segue preferindo acreditar que ela não lembra de nada. ?Não sei se ela assistiu à cena aqui fora, mas o que eu cobrei dela, cobrei lá na casa. Aqui fora, isso não me interessa mais. Todo mundo viu o que aconteceu, e, para mim, isso é o que importa?

Rumo à fama e ao estrelato

Com 1,85 de altura, Marcelo entrou na carreira de modelo por acaso, quando, há três anos, foi acompanhar uma amiga num teste para um desfile de passarela. Lá, chamou a atenção dos produtores, que o convidaram para substituir um modelo que havia faltado. Sorte? Talvez! Mas Marcelo estava na hora certa e no momento certo. E não parou mais. Filho de uma dona de casa e de um engenheiro civil, ele conciliou os trabalhos publicitários com a função de estagiário em bancos. Entre uma nota de dinheiro e outra que contava, sonhava com o estrelato e a fama. ?Meu grande sonho mesmo sempre foi ser ator?. Quem sabe a sorte não continua do seu lado, Marcelo...


Ex-BBB Marcelo revela que

Ex-BBB Marcelo revela que

Fonte: Extra