Famosos se irritam com show de Amy Winehouse no Rio

Famosos se irritam com show de Amy Winehouse no Rio

Amy apelou para duas garrafinhas de 355ml de cerveja durante sua apresentação

Se durante a apresentação em Florianópolis a cantora britânica Amy Winehouse optou por beber água no palco, no Rio de Janeiro a situação foi diferente. Para suportar o forte calor que fez na cidade nesta segunda-feira, 10, Amy apelou para duas garrafinhas de 355ml de cerveja.

Nos bastidores, um cooler estava repleto de garrafinhas conservadas em temperatura ideal para o consumo da cantora, que iniciou o show tomando um líquido misterioso dentro de uma xícara.



Amy Winehouse cantou para uma plateia de aproximadamente 15 mil pessoas e chegou a errar algumas vezes as letras das músicas. O atraso de meia hora não foi o grande destaque do lado polêmico da artista. Os comentários do público em geral foram por causa das constantes saídas de cena, quando Amy deixava sua banda e seguia para a coxia. O backing vocal Zelon, cantou duas músicas e se prolongou na última até que Amy retornasse.

Em uma das visitas da cantora à parte mais escura do palco, ela trouxe consigo uma toalha de rosto preta. Ao se aproximar do microfone, Amy esfregou o dedo indicador na parte superior da gengiva, deu alguns pulinhos e foi ovacionada pela plateia.



Repertório alterado de Amy não agradou convidados famosos

O show de Amy Winehouse ainda não tinha chegado ao fim quando Fernanda Lima, Paola Oliveira e Emanuelle Araújo se retiraram de um dos camarotes vips para reclamarem da apresentação. Amy fez uma última saída misteriosa e quando voltou fez apenas mais um número e saiu do palco sem dar maiores explicações. Sorte da banda que foi apresentada pelo cantor Zelon, enquanto a cantora visitava rapidamente o backstage.

?Imagina se todo mundo que quiser ser diva terminar seus shows ou espetáculos sem agradecer ou dar tchau? Acho que ela tem uma voz poderosa e ponto final. O show deixou muito a desejar apesar da artista maravilhosa que ela é. A sensação que eu tive foi de que as pessoas só compram o ingresso para assistir a um tipo de circo dos horrores e só ficam satisfeitos quando a mulher se droga ou cai bêbada?, comentou Antonia Fontenelle.

Já Guilhermina Guinle, que acompanhou o show na pista vip em frente ao palco, fez questão de fotografar o set list e considerou desprestígio a atitude de Amy em interromper o show antes do final: ?A voz dela realmente é encantadora, mas como público, me senti muito desprestigiada. Sou fã da Amy, escuto sempre o som dela, mas o que ela fez com a gente foi frustrante. O final do show ficou uma coisa sem nexo. Ela saiu e tchau. Não falou absolutamente nada. Faltou uma troca de calor humano, uma sintonia que não vi.?

Fonte: Ego, www.ego.com.br