Andressa Urach confessa: "A qualquer momento posso ir a óbito"

Ela disse ainda que a mulher deve ser submissa ao homem.

Em março deste ano, Andressa Urach recebeu alta médica após passar por cirurgias por conta de uma infecção nas pernas, provocada pela injeção do PMMA, um tipo de preenchimento que fica dentro do músculo e não sai. Segundo ela, os médicos dizem que ainda há risco de morte.

“Eles dizem que tenho dentro do meu corpo uma bomba-relógio. A qualquer momento o PMMA, necrosado no meu músculo e no meu glúteo, pode inflamar e eu posso ir a óbito”, diz ela em entrevista à “Sexy” de outubro, acrescentando ainda que não se informou bem sobre os efeitos da substância. “Se soubesse o que estava fazendo, não teria gastado o que gastei. Jamais teria aplicado”.

Image title

A loira, que se converteu à religião evangélica, contou que começou a ler a Bíblia enquanto ainda estava no hospital. “Minha conversão só aconteceu depois que pensei que ia ficar numa cadeira de rodas. Se eu não tivesse passado por isso, talvez, estivesse morta por droga”, recorda. “Muita gente pergunta se isso não é passageiro e digo: ‘Não posso provar pra ninguém agora. É o tempo que vai provar que mudei, que consegui”.

Convertida, ela defendeu ainda que, numa relação, a mulher tem que ser submissa ao marido. “O homem é o cabeça. Ele foi criado para caçar, pra fazer o trabalho de força. Não é errado a mulher trabalhar, ser independente, ser vaidosa, só que ela não pode colocar o trabalho e o dinheiro em primeiro lugar. Ela tem que cuidar do marido dela, tem que ser uma auxiliadora, uma companheira”, defende Andressa, criticando ainda as mulheres casadas que usam decotes e roupas justas. “Por que expor meu marido dessa maneira?”.

E se ela ficou famosa ao posar nua pela primeira para a “Sexy”, a moça garante que não voltaria a fazer um ensaio sem roupa. “Se você me perguntar se quero posar de novo, digo: ‘Não’, agradeço e respeito. Na época eu precisava, porque queria me prostituir e ficar famosa e, pra isso, queria ser capa de revista. Hoje não é mais esse o meu sonho”.

Image title


Fonte: Com informações do Jornal Extra