Angélica vive melhor momento na TV do que ex-rivais; veja!

Angélica vive em paz com o Ibope

No comando do Estrelas, exibido nas tardes de sábado na Globo, a paulista de 42 anos vive em paz com o Ibope. A atração registra média geral de 10 pontos este ano. Índice considerado satisfatório pela cúpula da emissora.

Na Record, Xuxa, 53 anos, marcou recentemente recorde negativo de 4 pontos e deverá ser remanejada para a programação vespertina do sábado na tentativa de deslanchar no canal.

Mara Maravilha, 48 anos, estreou no final de setembro na bancada do Fofocando, no SBT. O programa não tem conseguido chegar a 5 pontos e está sob ameaça de reformulação ou cancelamento.

Mara, Angélica e Xuxa (Crédito: Reprodução)
Mara, Angélica e Xuxa (Crédito: Reprodução)

Eliana, 42 anos, que começou na TV alguns anos depois que Angélica, Xuxa e Mara, registra 8 pontos de média de janeiro a setembro no SBT e trava uma guerra, domingo a domingo, com Rodrigo Faro, da Record, pela vice-liderança no Ibope.

Menos é mais

Apresentadora há 30 anos, Angélica está no Estrelas desde 2006. Dentro da grade da Globo, é uma atração pequena, sem pretensões artísticas nem grande repercussão na imprensa. E parece que essa despretensão é, justamente, o maior atrativo que ela vê no programa.

A tranquilidade proporcionada - gravações poucas vezes na semana, ausência de cobrança por audiência e formato leve, sem necessidade de nenhuma apelação para atrair público - parece estar de acordo com o estilo de vida que Angélica procurava ao fazer a transição do público infantil para o telespectador adulto.

Ela não precisa se preocupar com disputas decimais no Ibope, rebater boatos sobre a rivalidade com outras apresentadoras tampouco se sentir pressionada a se reinventar de tempos em tempos para garantir a continuidade na TV.

Angélica decidiu viver ao estilo 'paz e amor'. Tem menos visibilidade do que antes, porém usufrui de uma estabilidade rara entre apresentadores. Para ela, menos passou a ser mais.

Fonte: Terra