'Dizem que fui pra Itália me prostituir',diz Ariadna durante férias

A ex-BBB, de 31 anos, revela sofrer diversos tipos de preconceito.

Há quase 12 anos, antes mesmo de entrar para o "Big Brother Brasil", Ariadna morou pela primeira vez na Europa. Em 2013, após sua fama repentina no "BBB 11", ela resolveu deixar novamente o Brasil e vive atualmente há dois anos em Turim, na Itália. De férias no Rio de Janeiro, ela posou em cliques na praia de Ipanema, Zona Sul da cidade, e fez um balanço dos prós e contras que os 15 minutos de fama lhe renderam. A ex-BBB, de 31 anos, revela sofrer diversos tipos de preconceito e dispara duras críticas ao Brasil, onde não pretende voltar a morar tão cedo.

Casada há dois anos com um italiano, Ariadna passa uma temporada em seu país natal sempre que sente falta da família e amigos. "Tenho parentes que moram lá, mas a maioria está aqui. Minha mãe e meus irmãos fazem muita falta. Meu marido viaja muito a trabalho e, para não ficar lá sozinha, aproveito para matar saudades do meu país", fala a ex-BBB, que revela também ter ainda muitos planos profissionais na Itália: "Eu sei que um dia eu devo voltar para o Brasil, os meus familiares e amigos estão aqui. Mas espero que meu retorno seja mais para frente, não tão cedo. Quero ainda continuar meu trabalho e fazer muitos cursos lá. Assim que voltar dessas férias já tenho uma nova técnica de maquiagem para aprender."

Longe da fama, Ariadna diz ter uma vida tranquila na Europa. "Gosto de ser vista lá como uma pessoa normal, como uma mulher. Muitas pessoas sabem que eu participei do reality aqui, mas todos me respeitam e não fazem distinção", conta ela, que trabalha como maquiadora e cabeleireira. "Estou me especializando em maquiagens 3D e para cinema. Também arrumo cabelos. Muita gente pensa que eu vivo do dinheiro do meu marido ou dizem que fui para a Itália me prostituir, mas não é nada disso. Isso é preconceito", desabafa.

Clique e leia mais notícias de famosos


Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Ego