Justiça proíbe Ximbinha de incorporar nome Calypso em nova formação

Ximbinha está proibido de vender seus shows usando o nome calypso

Depois da separação Ximbinha agora com X, já segue sua vida longe de Joelma, mas a briga na justiça por direitos autorais continua.

A Justiça de Pernambuco proibiu que o músico incorpore o nome Calypso à sua banda e o afastou da administração da antiga através de uma liminar requerida por Joelma, que passa a administrar sozinha os negócios, antes gerenciados pelo ex, até o fim do ano.

Image title

Joelma queria que a marca fosse transferida para o nome dos filhos, mas Ximbinha foi contra. O advogado dele alega que não seria interessante que o nome ficasse sem uso, já que isso poderia trazer prejuízos financeiros aos seus criadores. Só que nessa guerra, ambos decidiram acoplar Calypso a suas novas carreiras, mas nem Joelma nem Ximbinha poderiam incorporá-la aos novos nomes.

Image title

Ximbinha não só tirou o “ch” do nome como divulgou que sua banda com Thábata Mendes se chamaria “XCalypso”. Mas Ximbinha está proibido de vender seus shows usando o nome que escolheu. E pode até sobrar para a prefeitura de Ananindeua, onde ele e Thábata se apresentam no próximo dia 3 de janeiro, por divulgar o nome proibido. Procurado pela imprensa, o advogado de Ximbinha não deu qualquer esclarecimento. Já Joelma, segue, como quase sempre, em silêncio.

Fonte: Extra