Operação tenta prender acusados de racismo contra Taís Araújo

A polícia constatou que os ataques foram premeditados

A Polícia Civil do Rio de Janeiro realiza uma operação nesta quarta-feira, 16, para prender autores de ataques racistas a Taís Araújo que aconteceram no ano passado nas redes sociais.

A polícia informou que a operação comandada pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) acontece com apoio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP) e das Polícias Civis de mais seis estados.

"A Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), com apoio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP) e das Polícias Civis dos Estados de São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Bahia e Minas Gerais, deflagra, nesta quarta-feira, 16 de março, operação para prender criminosos apontados como autores dos ataques dirigidos à atriz Taís Araújo em sua página na rede de relacionamentos.  A operação, coordenada pelo Delegado de Polícia Dr. Alessandro Thiers, titular da DRCI, tem como objetivo desarticular o grupo e cumprir quatro mandados de prisão e onze mandados de busca e apreensão em cidades brasileiras", informou o comunicado.

Operação tenta prender acusados de racismo contra Taís Araújo (Crédito: Reprodução)
Operação tenta prender acusados de racismo contra Taís Araújo (Crédito: Reprodução)


A polícia constatou que os ataques foram premeditados: "Durante as investigações, a Polícia Civil descobriu que as ofensas dirigidas à atriz foram premeditadas pelo grupo criado com uma única finalidade: praticar ataques de cunho racista em perfis de redes de relacionamento, páginas e contatos do aplicativo WhatsApp. O grupo atuava incitando seus membros para o cometimento das atividades ilícitas de discriminação racial. Os incitadores criavam grupos secretos e temporários para potencializá-los, e ainda, chegavam a informar maneiras de mascarar a conexão no intuito de tentar dificultar o rastreamento, objetivando a impunidade por tais crimes".

Operação tenta prender acusados de racismo contra Taís Araújo (Crédito: Reprodução)
Operação tenta prender acusados de racismo contra Taís Araújo (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Ego