Sem espaço na Globo, Patrícia Poeta ficará na geladeira até 2016

Devido ao cenário econômico nacional desanimador, a emissora desistiu de estrear agora uma nova atração aos sábados que poderia ser apresentada por Poeta.

Afastada do Jornal Nacional no final do ano passado para se dedicar a um programa de entretenimento, a jornalista Patricia Poeta ficará na geladeira da Globo pelo menos até o final deste ano. Oficialmente, a emissora diz que Poeta "está com projetos em discussão", mas, segundo um alto executivo, não há espaço para ela na programação deste ano, nem agora nem no segundo semestre, e por enquanto não há perspectivas para 2016.

Devido ao cenário econômico nacional desanimador, a emissora desistiu de estrear agora uma nova atração aos sábados que poderia ser apresentada por Poeta. Chamado internamente de Bem Estar do Lar, o programa não foi pensado inicialmente para Poeta, mas o nome da jornalista passou a ser considerado depois que ela deixou o JN.

A partir do próximo dia 25, a Globo implantará uma faixa de uma hora de programação regional nos sábados de manhã, das 8h às 9h. As afiliadas também terão uma hora à tarde, após o Jornal Hoje. Em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Recife, a emissora exibirá a Sessão Comédia, começando com a reprise de Os Cara de Pau. O Estrelas entrará mais tarde e ficará colado ao Caldeirão do Huck.

Um novo programa para Patrícia Poeta, portanto, só poderia ocupar espaço entre as 9h e 12h dos sábados. Mas a Globo decidiu, por enquanto, manter programação infantil e eventuais transmissões esportivas nessa faixa. A ideia de fazer edições aos sábados do Mais Você, Bem Estar e Encontro com outros apresentadores foi engavetada.

Sem trabalho na Globo, Patrícia Poeta não é vista nos corredores da emissora desde que deixou o Jornal Nacional, no final de outubro. A indefinição sobre o novo programa só reforça a versão que circulou em rodas bem informadas da Globo de que Poeta deixou o JN por causa de atritos com William Bonner, o editor-chefe do telejornal, e que ela não tinha projeto algum.

Conforme o Notícias da TV apurou e publicou no ano passado, Poeta pediu para deixar o JN pouco antes da Copa do Mundo. A cúpula da Globo não gostou da atitude da jornalista e pediu para ela ficar mais uns meses. Em setembro, após desempenho considerado desastroso nas entrevistas com candidatos à Presidência da República, a Globo anunciou a saída de Poeta para a primeira sexta-feira depois do segundo turno.

Procurada pelo Notícias da TV, a Globo argumentou que Patrícia Poeta "está com projetos em discussão na emissora, que independem do programa de sábado". Segundo a emissora, não dá para "afirmar que ela não irá ao ar neste ano", porque "ainda não há essa definição".

Fonte: Uol