Andressa Urach relembra quase-morte e diz que iria retirar um dedo de cada pé: 'fui punida pela vaidade'

Andressa já anda normalmente e pode sair de casa, mas ainda sofre com as sequelas da operação

O drama ainda não acabou na vida de Andressa Urach. Nesta segunda-feira (12), o site Daily Mail divulgou uma entrevista feita com a modelo e ex-Vice Miss Bumbum 2012, na qual ela diz se sentir "punida pela sua vaidade estúpida" e que tem vergonha dos ferimentos em sua perna, causados pela cirurgia de retirada do hidrogel.

Depois de ficar quase um mês internada em estado grave, devido aos efeitos nocivos da aplicação de 500ml do produto em cada perna, Andressa já anda normalmente e pode sair de casa, mas ainda sofre com as sequelas da operação. "Tenho vergonha dos buracos nas minhas pernas, das cicatrizes que vão ficar para o resto da minha vida", ela admite. No entanto, a modelo espera que seu caso sirva de exemplo para pessoas que, assim como ela, não pensavam duas vezes antes de se submeterem a procedimentos cirúrgicos estéticos.

"Posso salvar outras mulheres de uma morte prematura." Durante a entrevista, Andressa ainda relatou sua experiência de "quase-morte". "Eu sabia que tinha deixado meu corpo. Eu cheguei em um lugar vazio, como um deserto, totalmente em silêncio. Foi quando eu percebi que Deus existe. Senti sua presença. Me senti envergonhada e sabia que não merecia ir para o céu", desabafou. Andressa também lembrou que, nesse momento, pediu perdão por ter sido tão vaidosa e implorou por uma segunda chance.

"Percebi que nada mais importa. Tudo o que fiz pela minha beleza, minhas bolsas, minhas roupas, carro - eu deixaria tudo para trás." Em uma memória horripilante, ela revelou: "Aquela noite eu vi algo terrível, os espíritos da morte me rodeando, eram como nuvens negras, eu ouvi gritos. Um deles era mais negro do que os outros e eu sabia que a morte viria para buscar a minha alma. Eu me lembro de entrar em pânico e chamar minha mãe, pedindo ajuda, porque eu iria morrer". A "revelação" da ex-Vice Miss Bumbum a impediu de cometer ainda mais erros. Segundo Urach, seus próximos planos antes da cirurgia de retirada do hidrogel seriam drásticos.

O primeiro era a retirada de uma de suas costelas, para parecer mais magra. Em seguida, a remoção de um dedo de cada pé, para que eles ficassem mais finos. "Eu estava fora do controle assim. Por isso que acho que foi Deus que me disse 'você precisa parar'", recordou. O dia de sua internação também foi lembrado na entrevista. De volta da praia durante uma tarde, Andressa começou a sentir dores fortíssimas nas pernas. Após três horas, elas se tornaram insuportáveis e a modelo pediu que sua mãe chamasse uma ambulância.

No hospital, já delirando, ela entrou em coma por três dias. Urach, que também recordou seu passado, citando o início de sua obsessão pela beleza na infância e a ingestão de anabolizantes, aos 21 anos, finalizou seu relato com a maior lição que aprendeu depois do período no hospital. "Tudo isso que estou passando é um castigo pela minha vaidade estúpida." Entenda o caso Andressa Urach ficou internada entre os dias 30 de novembro e 24 de dezembro de 2014 após ter graves complicações devido a aplicação de cerca de 500 ml de hidrogel em cada uma das pernas, feita há cinco anos. O produto acabou gerando inflamações e a modelo passou por cirurgias para a retirada da substância. Ela chegou a apresentar quadro de sepse que foi combatido com medicamentos. Ela também sofreu uma parada cardíaca, e, no dia 1º de dezembro, teve parada respiratória, precisando da ajuda de aparelhos para respirar. O hospital nega que tenha ocorrido uma parada cardiorrespiratória, bem como rumores de que a modelo tenha sofrido amputações.


Fonte: Terra