Filha de Maurício Mattar deixa rixa de lado e faz homenagem: Sinto sua falta

Ela usou a letra de "Pai", música de Fábio Jr. em recado ao ator, com quem tem hoje em dia uma relação estremecida, após disputa por pensão

Petra Mattar rompeu o silêncio e decidiu escrever ao pai Maurício Mattar na madrugada de domingo, 11, Dia dos Pais. Com a relação estremecida desde que começou uma disputa por pensões alimentícias atrasadas, os dois não se falam.


Filha de Maurício Mattar deixa desavença de lado e faz homenagem:

Em seu perfil no Instagram, Petra postou uma foto em que aparecem Maurício e a ex-mulher e mãe dela Fabiana Sá. Na legenda escreveu, recorrendo à letra de "Pai", imortalizada por Fábio Jr.:

"Hoje é dia dos pais, então creio que nada mais justo do que postar uma foto dos meus. Pai, Mãe... Da minha figura paterna, meu Pai e do meu verdadeiro Pai, a minha Mãe. Obrigada a vocês dois por tudo que sou hoje! Pelas palavras, conversas, conselhos, broncas, momentos, viagens... Obrigada Pai, por todos os momentos, por tudo que me ensinou, tudo que me disse, todas as brincadeiras e etc. Obrigada Mãe, por ser mais que uma Mãe, mais que um Pai, em todos os momentos da minha vida. Obrigada aos dois por cada detalhe. Amo vocês incondicionalmente. Sinto sua falta, Pai. Espero que um dia você entenda que a vida é muito mais do que isso. Que você precisa de mim e eu de você. Parabéns pelo seu dia! "Pai, pode ser que daqui algum tempo haja tempo pra gente ser mais, muito mais que dois grandes amigos... Pai e filho, talvez. Pai, eu não faço questão de ser tudo, só não quero e não vou ficar mudo, pra falar de amor pra você... Fala um pouco tua voz ta tão presa, nos ensina esse jogo da vida, onde a vida só paga pra ver. Pai, me perdoa essa insegurança, é que eu não sou mais aquela criança que um dia morrendo de medo, nos seus braços você fez segredo, nos seus passos você foi mais eu. Pai, eu cresci e não houve outro jeito, quero só recostar no teu peito e pedir pra você ir lá em casa e brincar de vovô com meu filho, no tapete da sala de estar... Pai, você foi meu herói, meu bandido, hoje é mais, muito mais que um amigo... Nem você nem ninguém ta sozinho, você faz parte desse caminho que hoje eu sigo em paz".

Fonte: EGO