Herbert Vianna vai receber R$400 mil de indenização

Herbert Vianna vai receber R$400 mil de indenização

O acidente deixou Herbert paraplégico e causou a morte de sua mulher, a inglesa Lucy Needham

A 11ª Câmara Cível do Rio de Janeiro condenou a fabricante de ultraleves alemã W. D. Flugzeugleichtbau a pagar R$ 400 mil de indenização a Herbert Vianna. Em fevereiro de 2001, o aparelho que o músico pilotava caiu em Mangaratiba, no Rio. O acidente deixou Herbert paraplégico e causou a morte de sua mulher, a inglesa Lucy Needham, mãe dos seus três filhos, Luca, Hope e Phoebe.

?O Herbert ganhou a ação que ajuizou contra a fabricante do ultraleve. Ele queria provar que o acidente aconteceu por defeito de fabricação?, explicou Ronaldo Eduardo Cramer Veiga, advogado de Herbert. O advogado disse que ficou constatado que o ultraleve caiu porque tinha um defeito de fabricação na cauda. ?Inclusive, durante o processo, provamos que outros ultraleves idênticos aos do Herbert também caíram, mas não fizeram vítimas como o dele. A fabricante reconheceu o defeito e fez o recall das aeronaves. Mas só depois do acidente do Herbert?, lamentou.

De acordo com o advogado, foi feita uma perícia pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) para apurar o defeito do aparelho. ?Demorou dois anos, mas constatou-se que o ultraleve usado por Herbert, quando submetido a temperaturas acima de 40 graus, tem o material da cauda degradado. Foi exatamente isso que aconteceu com o aparelho do Herbert. Era verão, fevereiro de 2001, e a temperatura em Mangaratiba estava acima dos 40?, explicou.

Fonte: UOL