Homem se torna pai após ter sêmen congelado por 16 anos

Homem se torna pai após ter sêmen congelado por 16 anos

Depois de diagnosticado com câncer no testículo aos 17 anos, britânico teve esperma armazenado

Com apenas 17 anos, Christopher Stone foi diagnosticado com câncer no testículo. Na época, os médicos acreditavam que com uma cirurgia para remoção do testículo ele estaria curado. Também foi deles a idéia de armazenar e congelar o esperma do homem para que ele pudesse ter filhos no futuro, caso quisesse. E foi graças a esse procedimento, feito há 16 anos, que o britânico agora está prestes a ter seu primeiro filho, concebido por fertilização in vitro.

Relembrando o momento em que descobriu a doença, ele contou que foi muito difícil lidar com a situação. ?Seria complicado em qualquer idade, mas, especialmente na adolescência, saber que eu precisaria de uma operação foi bem pesado?, afirmou ao jornal Daily Mail. Durante o tratamento, Christopher precisou sair da faculdade. Mas logo após a quimioterapia, as coisas começaram a melhorar e ele se casou com Fiona, aos 20 anos.

Após duas semanas do casamento, outra notícia ruim: ele estava com um tumor no estômago. Depois, surgiram tumores benignos na garganta. Quando as coisas pareciam melhores, Christopher voltou para a faculdade. Os médicos o informaram, então, de que estava novamente com câncer no testículo. A cirurgia para uma nova remoção aconteceu em 2006. ?Foi 10 vezes pior do que quando eu tinha 17 anos?, explicou ao Daily Mail. Atualmente, ele tem um quadro estável e precisa realizar check- ups apenas uma vez por ano.

Christopher contou ainda que ele e a mulher, Fiona, estão animados com a chegada do filho, que deve acontecer em janeiro. ?Com uma criança, tenho certeza que minha vida entrará em um novo capítulo?, disse.

Fonte: Crescer, http://revistacrescer.globo.com