Ivete Sangalo fala sobre a tragédia no Haiti

Ivete Sangalo fala sobre a tragédia no Haiti

"Não falta dinheiro, falta logística", afirmou a cantora

Alguns artistas aproveitaram o Festival de Verão de Salvador para lembrar das vítimas do terremoto do Haiti. Ivete Sangalo disse estar à disposição para prestar auxílio ao povo haitiano e Saulo Fernando, cantor da Banda Eva, levantou a bandeira do país no fim de sua apresentação, nesta quinta-feira (21).

"Não acho que esteja faltando dinheiro para o Haiti. O dinheiro sempre vai haver e não será o grande problema para aquele país. O que precisa é de um ajuste no comportamento do homem, que haja logística para a ajuda chegar a quem precisa", disse a cantora baiana.

Ivete Sangalo afirmou ainda que reza pelas vítimas do terremoto no Haiti todos os dias. "Eu sempre estarei pronta para ajudar quem está no Haiti e também o povo brasileiro. Aquilo foi uma tragédia muito grande, terrível, mas eu repito que esse é o momento do homem mudar e melhorar seu comportamento com o próximo."

Antes de fazer a declaração de apoio às vítimas do terremoto no Haiti, Ivete Sangalo fez a festa com o público baiano durante seu show. Ela surgiu de cartola preta brilhante, um vestido estilo smoking, gravata borboleta preta e luvas também brilhantes.

Os músicos e dançarinos usaram figurino cor de rosa. As mulheres estavam com luvas e plumas na cabeça e gravata borboleta preta. Outra parte da banda se apresentou com roupas brancas e desenhos de smoking na parte da frente.

Ivete abriu o show com a nova música "Base do Beijo", seguida de "Arerê", "Empurra empurra", "Berimbau Metalizado" e "Dalila". Durante o show, a cantora voltou a brincar com o figurino, dizendo que se sentia apertada na roupa. "Não estou conseguindo respirar. Não brinco com peso porque isso é uma realidade, mas sei que estou mais gostosa hoje do que ontem."

Fonte: g1, www.g1.com.br