Jorge quer processar Miguel por assédio a Lu

Jorge quer processar Miguel por assédio a Lu

Jorge encontra uma espátula e fere seriamente a mão de Miguel, arrancando sangue

Como era previsto, Jorge não gosta nada de saber que Miguel levou Luciana para tomar banho de mar no Ano Novo, por isso discute com a namorada e sai da casa dela direto para encontrar o irmão.

Sobe as escadas ventando e imprensa Miguel contra a parede. Ele não entende nada: “Que brincadeira é essa?”. Jorge explica, do jeito mais agressivo possível: “Quero você longe de Luciana, por bem ou por mal”.

O que se segue é um briga feia. Jorge diz que chegou ao seu limite, quer Miguel longe de Luciana e está disposto a tudo para isso. Quando a ficha cai e Miguel entende que é mais uma das crises de ciúmes de Jorge, ele tenta contemporizar.

Mas Jorge está enfurecido, não quer o irmão como médico de Luciana e, mais, está disposto a denunciar o irmão no Conselho Regional de Medicina por assédio a uma paciente, por aproveitar-se da sua condição de médico para se aproximar dela. Miguel acha uma loucura tudo isso, mas Jorge colabora pra isso, dá provas de insanidade. Os dois se engalfinham, lutam pra valer. Jorge encontra uma espátula e fere seriamente a mão de Miguel, arrancando sangue.

Por conta desse ferimento, Miguel não poderá operar. Ingrid aparece, nervosa, e depois Leandro. Os pais tentam apaziguar as coisas, mas os ânimos continuam acirrados. Quando sair dali, Jorge vai procurar o advogado para levar adiante a ideia de um processo contra o irmão.

Fonte: g1, www.g1.com.br