Mara Manzan diz que cancêr do pulmão não sarou

Bastante triste, bem diferente do jeito que ela vinha enfrentando o problema anteriormente

Há alguns meses em tratamento, lutando contra um câncer no pulmão de maneira extremamente positiva e otimista, Mara Manzan admitiu em seu blog, na internet, que infelizmente a doença deu metástase.

Bastante triste, bem diferente do jeito que ela vinha enfrentando o problema anteriormente, a atriz, que faz a Ashima na novela Caminho das Índias, porém, ainda mostra não ter perdido de todo a fé.

?Hoje vou tentar escrever um pouco do que estou sentindo. Confesso que, às vezes, não consigo. Tenho tentado deixar meus amigos, meus familiares, meus fãs com o mesmo otimismo, com a mesma coragem que fui levando a vida, e tento levar, mas esse está sendo um momento de silêncio. Eu precisando entender, quero dizer que vou superar. É tudo verdade o que vocês estão lendo! O câncer do pulmão não sarou. Deu metástase. Fui internada mas continuo trabalhando, pra todos os dias lutar pela vida. Desanimei, às vezes? Claro que sim...mas sou guerreira e, se for pra morrer, que seja em pé!?, disse ela, em seu desabafo.

Na sequência, Mara agradece a todas as palavras de carinho e conta que, em breve, sua personagem estará de volta na trama de Glória Perez. Ela ainda agradece ao apoio da TV Globo, em seu tratamento:

?(...) Já, já, dona Ashima estará de volta. Que Deus permita que seja o tempo que eu tiver. Que ele seja como mensagem de amor , alegria e felicidade. Apesar de chorar às vezes, na minha cama, só acredito na obrigação de ser feliz?.

?Obrigada a todos vocês, obrigada principalmente à TV Globo que está permitindo que eu tenha um tratamento digno, com ótimos médicos. Não levem tão ao pé da letra minhas tristezas, elas são o contraponto pra se chegar na alegria. A vida é isso...mistério! Quem sou eu pra questionar??

Vamos torcer para que esta excelente atriz e ser humano consiga superar o problema e continue na vida, para nos alegrar com o seu talento e a sua felicidade, sempre tão explícita.

Fonte: O Fuxico