Marido de Sandra Bullock pede perdão à família

Jesse James disse que assume a responsabilidade por seus atos, mas não chegou a admitir que teve um caso com outra mulher

O marido da atriz Sandra Bullock rompeu na quinta-feira seu silêncio em torno de rumores de que teria traído sua mulher, premiada com um Oscar este ano, dizendo à revista People que cometeu "erros de julgamento" e pedindo perdão a sua família.

Fabricante de motocicletas sob medida e astro de reality shows na TV que se casou com Bullock cinco anos atrás, Jesse James disse que assume a responsabilidade por seus atos, mas não chegou a admitir que teve um caso com outra mulher.

Bullock, de 45 anos, que recebeu seu primeiro Oscar na semana passada, desistiu na quarta-feira de participar da première em Londres de seu filme de sucesso "Um Sonho Possível", depois de a revista norte-americana de celebridades In Touch Weekly ter publicado declarações de uma modelo afirmando que dormiu com Jesse James no ano passado.

"É por causa aos meus erros de julgamento que mereço tudo de ruim que está vindo em minha direção", disse James em comunicado à revista People.

"Isso vem causando a minha mulher e meus filhos dor e constrangimento inimagináveis, e estou extremamente triste por tê-los feito sofrer com isso. Sinto verdadeiramente pela dor que lhes causei. Espero que algum dia eles consigam me perdoar."

A imprensa de celebridades divulgou na noite de quarta-feira que Bullock deixara a casa que dividia com Jesse James.

Sandra Bullock é a mais recente de uma longa sequência de atrizes cujos relacionamentos se desfizeram pouco depois de ganharem um Oscar.

As vencedoras recentes atingidas pelo que já é conhecido em Hollywood como "a maldição do Oscar" de melhor atriz incluem Hilary Swank, Halle Berry, Reese Witherspoon e Julia Roberts.

A atriz britânica Kate Winslet, que recebeu o Oscar no ano passado por seu papel em "O Leitor", anunciou na segunda-feira a separação de seu marido, o cineasta Sam Mendes.

Fonte: g1, www.g1.com.br