Mesmo com recorde de vendas, Cleo Pires deve evitar processo e entrar em acordo com a revista Playboy

Mesmo com recorde de vendas, Cleo Pires deve evitar processo e entrar em acordo com a revista Playboy

A atriz afirma que o contrato que assinou não permitia a publicação de imagens suas em 3D

Tudo indica que vai rolar um acordo entre a Editora Abril e Cleo Pires, que pretendia processar a Playboy, informou a coluna Telinha, do jornal Extra.

A atriz afirma que o contrato que assinou não permitia a publicação de imagens suas em 3D, ação realizada pela publicação na edição de setembro, que trouxe Larissa Riquelme na capa. No entanto, advogados da editora encontraram brechas no contrato para a defesa, e um acordo deve ser a melhor opção para ambas as partes.

Fonte: Terra, www.terra.com.br