"Minha época de símbolo sexual já passou!", diz ex-dançarina Scheila Carvalho

"Minha época de símbolo sexual já passou!", diz ex-dançarina Scheila Carvalho

Ela eleita três vezes a mulher mais sexy do mundo pela revista “Vip”

Grávida de quatro meses de uma menina, Giulia, Scheila Carvalho deixa para trás o rótulo de símbolo sexual para assumir a maternidade

Reconhecida como um dos grandes símbolos sexuais de todos os tempos, Scheila Carvalho, eleita três vezes a mulher mais sexy do mundo pela revista ?Vip?, e recordista de vendas em suas cinco capas para a ?Playboy?, quer abrir mão do rótulo de ?mulherão? para desfrutar, com tranquilidade, o momento mais importante de sua vida: a maternidade. Grávida de quatro meses de uma menina, Giulia, fruto de seu casamento com o cantor Toni Sales, vocalista da banda Raghatoni, a ex-dançarina do É o Tchan! comemora com sabor especial a chegada da filha, dois anos após a perda do primeiro filho, Brian.

Sempre sorrindo, alisando e conversando com a barriga, a morena não consegue esconder a emoção. ?Es

tou vivendo um dos melhores momentos da minha vida?, diz, emocionada, a apresentadora do programa ?Bom D+?, da TV Itapoan, afiliada da Record na Bahia.



NOVA MULHER

?Muita coisa mudou na minha vida. Hoje, sei que meus valores são outros. Fico orgulhosa com todos os títulos de mulher gostosona, e confesso que curti muito aquela época, mas acho que passou. Cansei... Digo até em relação aos ensaios de nu. Já deu o que tinha que dar, já fiz muito, agora chega, né? Estou num outro momento. O que quero agora é curtir a maternidade, a construção da minha família.?

NOVAS CURVAS

?Estou quatro quilos acima do meu peso, mas isso não está me preocupando. Não tem para onde correr, é de família. Quando a mulherada lá de casa engravida, o bumbum e as coxas logo sobressaem. Já disse para as minhas celulites para aproveitarem os momentos vips, a fama, porque os dias delas estão contados (risos). Isso para mim não é drama. Este é o meu momento.?

À FLOR DA PELE

?O apetite sexual é uma coisa que cada dia aumenta mais, menina! Não sei o que acontece... Acho que são os hormônios que ficam aparecendo todos numa lente de aumento (risos). Pelo menos comigo a

gravidez tem influência direta no desejo sexual. A coisa está melhor do que antes. Só não posso olhar para a barriga na hora H. É muito diferente! Mas de resto, não tenho do que reclamar. Vai tudo às mil maravilhas. Fico feliz que esteja sendo assim, porque é uma coisa saudável tanto fisicamente quando psicologicamente.?

ELOGIOS DO MARIDÃO

?O Toni é ótimo neste sentido, ele me adora grávida. Diz que minhas formas ficaram mais avantajadas! (risos) Estou com bumbunzão, coxão, peitão... Sem contar as bochechas, que também cres

ceram. Ele vive me dizendo: ?Ai, como você está linda e gostosa!?. Toni não gosta de mim quando emagreço. Ele sempre reclama.?

PAPARICOS

?Toni viaja muito, mas está sempre em contato. Se antes a gente já se falava, agora a coisa multiplicou. Ele é muito cuidadoso e só fala no plural: ?Onde vocês estão? Como vão minhas princesas? Papai ama vocês!? (risos). É um momento abençoado.?

ESCOLHA DO NOME

?Fiquei na dúvida entre alguns nomes, mas quando pensei em Giulia, logo depois percebi que tinha tudo a ver. É de origem italiana, assim como meu pai, já falecido, e é uma maneira de prestar uma homenagem a ele. Depois, pesquisando na internet, vi que significa ?cheia de juventude?. A ideia inicial seria, caso fosse um menino, de batizar de Brian (nome do filho que ela perdeu de forma trágica, em 2008, com dois meses de idade) mas desistimos.?

SUPERAÇÃO

?A perda do Brian foi muito dolorosa para nós. A dor é indescritível, mas com o tempo a gente vai se adaptando com a situação. A religião foi uma das coisas que me ajudaram a superar um dos momentos mais difíceis da minha vida. Quando Brian se foi, busquei ajuda no espiritismo e lá me encontrei.?

EMOÇÃO

?Quando soube que estava grávida, fiquei feliz e insegura ao mesmo tempo. Até constatar que o neném estava perfeito, fiquei muito ansiosa. Quando assisti à ultrassonografia e vi que estava tudo certo, não segurei a emoção. Fiquei ali horas entretida com aqueles movimentos sem nem ouvir o que a médica falava. Sempre quis uma menina, mas a vontade maior era de que viesse perfeito. Fiquei feliz quando soube o sexo, mas muito mais quando vi que ela estava com saúde.?

CUIDADO COM O CORPO

?Sempre fui muito vaidosa. Gosto de me olhar no espelho e admirar o que vejo. Agora meu cuidado está sendo redobrado, não é porque estou grávida que vou relaxar. Na verdade não faço muita coisa diferente. Continuo comento de três em três horas, evitando frituras e doces, só às vezes que me bate uma vontade louca, que aí acabo devorando algum docinho que esteja dando bobeira (risos). A única coisa diferente é que adicionei um pouco mais de carboidrato na dieta, por causa da ginástica, que continuo fazendo. Também faço massagem (drenagem linfática) quase todos os dias para diminuir a retenção de líquido.?

ESSENCIAL NA VIDA

?Toni e eu estamos numa fase muito feliz. Nós nos damos muito bem. Nossas dificuldades, a perda do nosso filho acabou nos unindo ainda mais. Ele é essencial na minha vida. É atencioso, companheiro e muito amigo. Toni á o homem que está sempre lá para tudo, segurando a minha mão quando mais preciso.?

Fonte: Extra, extra.globo.com