Monique Evans fala sobre genro: não importa se ele é gay

Monique Evans fala sobre genro: não importa se ele é gay

Ela comentou os rumores de que o namorado de sua filha seria homossexual

A atriz, modelo e apresentadora Monique Evans esteve no Fashion Business, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (12), e falou sobre diversos assuntos, como o genro, amor e ameaças de morte. Ela comentou os rumores de que o namorado de sua filha, Bárbara Evans, o Mister Brasil Lucas Malvacini, o Mister Brasil, seria homossexual.

"Não importa se ele é gay, se não é. Pelo que eu vi, ele não é nem um pouco. Se ele olhou, ele olhou muito para mulher, porque no Réveillon eu fiquei observando. Mas ele é educadíssimo, trata minha filha muito bem. A partir do momento que ele fizer a minha filha infeliz, eu vou ser a primeira a me posicionar contra. Agora, se ele trair a minha filha, tanto faz se for com mulher ou com homem", afirmou.

Segundo ela, da época em que desfilava até hoje o número de modelos aumentou muito. "Antes existiam dez tops, hoje são centenas. E cada uma tinha um jeito de desfilar, hoje são muito parecidas", contou.

A modelo disse que em 2012 quer se mudar para o Rio de Janeiro, fazer teatro e escrever sua biografia. Ela também considera entrar para a política e disse que vai se filiar a algum partido quando estiver pronta e pode até se candidatar a algum cargo eletivo.

Sobre relacionamentos, ela disse que hoje em dia é difícil um homem amar uma mulher, porque ele tem muitas opções. "Ele pode até amar uma mulher, mas é tanta mulher se esfregando, que ele acaba largando a noiva de três anos pra ficar com uma periguete que ele conheceu naquela noite", disse Monique.

Ela ainda falou que está recebendo ameaças anônimas de uma facção criminosa. "Eles diziam que iriam pegar minha neta e colocavam uma foto dela, tinham os nomes dos meus cachorros, dos meus gatos, o nome do meu filho, onde eu moro, eles sabem tudo", comentou. Ela disse que ainda não procurou a polícia, porque não teve tempo, mas pretende fazer isso até sábado (14).

Fonte: Terra