Morre bebê que nasceu durante um treino

O menino havia nascido prematuro, com 1,150 kg e tinha recebido o nome de Eric José

Morreu na noite de quarta-feira (16) o bebê da atleta chilena de levantamento de peso Elizabeth Poblete, de 22 anos, que havia dado à luz dentro de um clube de São Paulo, no dia 8 de dezembro. A mulher não sabia que estava grávida. Os médicos calculavam que a atleta estava no sexto mês da gestação quando se preparava para treinar.

A informação sobre a morte do bebê foi divulgada nesta quinta (17) pela assessoria de imprensa do Hospital São Luiz, onde a criança estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica havia nove dias. Nota do hospital informa que ele faleceu às 20h37.

O menino havia nascido prematuro, com 1,150 kg e tinha recebido o nome de Eric José. O bebê respirava com ajuda de aparelhos e recebia complementação nutricional por via endovenosa e aplicações de antibióticos.

O Comitê Olímpico do Chile e Federação Chilena de Levantamento de Peso acompanham o caso de Elizabeth.

A atleta não sabia que estava grávida, segundo a Federação Chilena de Levantamento de Pesos. No dia em que iria começar o treinamento, Poblete tomou café e passou mal. A médica do clube foi chamada, e constatou que Elizabeth estava em adiantado trabalho de parto.

De acordo com o Esporte Clube Pinheiros, a atleta da comissão técnica chilena chegou ao clube no dia 7. O clube ainda afirmou que a chilena não realizou treino nas suas instalações antes do parto. Segundo o Pinheiros, assim que a mulher deu à luz, ela e filho receberam o pronto atendimento da equipe médica do clube e foram imediatamente encaminhados, em uma ambulância UTI, ao hospital. Ela teve alta no dia 11.

A atleta é integrante do programa de intercâmbio de preparação física para os Jogos Sul-Americanos de Medellín-Colombia/2010. O G1 tentou localizá-la para comentar o assunto, mas seus treinadores afirmaram que ela não irá falar.

Fonte: g1, www.g1.com.br