Morte do humorista Chico Anysio completa um ano neste sábado

Em 2012, Chico Anysio não resistiu a uma parada cardiorrespiratória


Morte do humorista Chico Anysio completa um ano neste sábado
Aos 80 anos, morreu em 23 de março de 2012 Chico Anysio, no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro. De acordo a nota de falecimento do centro médico, o humorista não resistiu a uma parada cardiorrespiratória.

A causa da morte ocorreu por conta de falência múltipla dos órgãos decorrente de choque séptico causado por infecção pulmonar. O artista foi dado como morto às 14h52. Com a presença de muitos amigos, familiares e fãs, Chico foi velado no Teatro Municipal e cremado no Memorial do Carmo, conhecido popularmente como Caju.

Chico Anysio foi internado em 22 de dezembro de 2011, após uma infecção no aparelho digestivo e, posteriormente, diagnosticado com pneumonia. O humorista passou por uma sessão de hemodiálise em 21 de março e, na tarde do dia 22 de março, foi realizada uma punção torácica esquerda com drenagem de grande quantidade de sangue. Chico estava recebendo altas doses de medicação para controlar a pressão arterial, além de requerer o uso de ventilação artificial.

Em agosto de 2010, ele foi internado no mesmo hospital para a retirada de uma parte do intestino grosso, após apresentar um quadro de hemorragia digestiva. Depois da cirugia, ele foi diagnosticado com pneumonia.

Em 2 de dezembro de 2011, Chico foi submetido a uma angioplastia, procedimento que desobstrui as artérias e, desde então, apresentou novos quadros de falta de ar. Em fevereiro de 2012, ele apresentou outro quadro de infecção pulmonar e voltou a fazer uso de antibióticos.

Fonte: Terra, www.terra.com.br