Mulher Melão diz que gastava R$ 10 mil em salão e que amigos sumiram

O número de shows caiu, e resolvi que era hora de mudar de vida, disse a funkeira

A maré virou, o dinheiro secou e Renata Frisson, a Mulher Melão, teve que se adaptar a nova situação. No começo do ano, ela deixou um apart-hotel de frente para o mar, na Barra da Tijuca, no qual tinha toda a infraestrutura à sua disposição, para ir morar na casa de um amigo no bairro de Vila Valqueire, no subúrbio do Rio de Janeiro.

Seis meses depois da mudança, o EGO conversou com Melão e para saber como está a vida da funkeira, se ela já se recuperou do baque financeiro e quais são seus novos hábitos.

O que aconteceu?

Fiz uma mudança no meu estilo de vida. Gastava muito e fazia muito desaforo com meu dinheiro. O David Brazil vivia conversando comigo, dizendo que aquilo não era direito, eu dizia que ia mudar, mas só ia empurrando a decisão mais pra frente.

Como está sendo morar na Vila Valqueire?

É ótimo. Mais barato, tudo é mais em conta. E não importa o lugar em que você vive. A gente tem que ser feliz em qualquer lugar.

E o que fez você mudar?

O número de shows caiu, e resolvi que era hora de mudar de vida. É claro que é o sonho de toda menina morar em um hotel cinco estrelas, mas não podia mais viver de aparências. Melhor viver com sabedoria.

Você está dura? Sem dinheiro?

Não! Está tudo ótimo. Estou fazendo shows todo final de semana e amanhã mesmo vou para Manaus. Só resolvi mudar meu estilo de vida. Colocar minha cabeça para funcionar.

Você gastava muito?

Gastava. Minhas contas eram carésimas (sic). Só de salão eu devia gastar uns R$ 5 mil, R$ 10 mil por mês. Quando tinha que trocar o megahair então era muito mais. Pagava tudo para os amigos, bancava várias baladas. Mas não tenho ideia de quanto eu gastava por mês no total, porque nunca fui muito de fazer conta. Ia gastando e pronto.

Esses amigos continuam convivendo com você ou sumiram?

Sumiram. Agora, vivo sozinha. Mas quer saber? Estou bem. Acho maravilhoso ficar em casa vendo um filminho.

Sua renda baixou muito?

Continuo fazendo show e meu padrão de vida não caiu tanto. A questão é que agora eu economizo mais.

E o que você faz com o seu dinheiro agora?

Junto no banco. Quero investir em um negócio para mim. Não vou viver do corpo para sempre. Nem quero ir para no Retiro dos Artistas sem nada.

É verdade que dia desses você entrou em uma loja de sapatos, mas não pôde levar uma sandália porque seu cartão de crédito não passou?

Mentira! Nem tenho cartão de crédito mais. Foi a primeira coisa que eu cortei, sempre estourava o limite.

E o que você faz para economizar?

Não saio mais para comer fora, faço comida em casa. Antes, tinha empregada para fazer as coisas para mim, agora eu mesma faço tudo, lavo a minha louça. Hidratação no cabelo eu fazia uma vez por semana no salão. Agora, compro creme e faço em casa. Não compro mais tanta roupa, eu estou reciclando um monte de coisa que usei uma vez só, e tem gente que pensa que é novidade. E, quando quero me divertir, chamo os amigos que me restaram para bater papo em casa e cozinho para eles.

Qual sua especialidade na cozinha?

Hoje vou fazer uma lasanha, mas adoro cozinhar estrogonofe.

Fonte: EGO