"Mulheres frutas" prometem ser destaques no carnaval por todo o Brasil

Disposição para encantar na avenida é o que não falta a Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho, 27 anos

Depois de se exibirem ao som do funk e de outros ritmos, as mulheres Moranguinho, Maçã, Melancia, Melão e Jaca aceitaram o desafio de sacolejar ao ritmo das baterias no carnaval. Convidadas para desfilar por algumas agremiações do Rio, São Paulo e de trios elétricos Salvador, as belas estão redobrando a malhação e frequentando os ensaios nas quadras das escolas.

Disposição para encantar na avenida é o que não falta a Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho, 27 anos. No sábado (10), durante o ensaio técnico da Paraíso do Tuiuti, na Marquês de Sapucaí, ela sambou com tanta desenvoltura que o micro vestido subiu, para delírio do público masculino. A dançarina é rainha de bateria da escola, que faz parte do grupo de acesso do carnaval carioca.

Ela também vai desfilar como destaque da Portela, incorporando a princesa Nunts Mahal cantada no eterno hit de Jorge Ben Jor, "Taj Mahal". E, depois, embarca para São Paulo, onde sairá na Vai-Vai pela segunda vez.

<img src="http://www.meionorte.com/imagens/ananiasribeiro/12322372580.jpg" align="left"/>?Nesse período, evito excessos. Não bebo, não fumo e não como carne vermelha. Aproveito para me dedicar à musculação, fazer uma hora de bike e tomar meu açaí, que adoro?, revela a paulista que será capa da revista ?Sexy? de carnaval.

Outra beldade que não quer desapontar os fãs na avenida é Gracy Kelly, carioca de 26 anos mais conhecida como Mulher Maçã. Vindo no mundo funk, ela surpreendeu ao ser coroada no dia 27 de dezembro como musa da Mangueira na quadra da escola. Mas ela garante que já passou por outras escolas.

?Já desfilei no Salgueiro e na Beija Flor?, afirma, revelando que recebeu convite da Porto da Pedra para sair no enredo ?Não me proíbam de criar, pois preciso curiar! Sou o país do futuro e tenho muito a inventar?, do carnavalesco Max Lopes. ?Serei o fruto proibido?, diz, maliciosa, sobre a letra que fala de desejo, tentação e paraíso.

<b>Tomando banho na avenida</b>

<img src="http://www.meionorte.com/imagens/ananiasribeiro/12322372581.jpg" align="left"/>Renata Frisson, a Mulher Melão, diz com orgulho que surgiu no carnaval. No ano passado, chamou atenção do público tomando banho durante o desfile da Vila Isabel pela Sapucaí.

?Para mim, carnaval é momento de alegria, de festa?, conta ela que, além de sair novamente como destaque da azul e branco, está pronta para exibir seu ziriguidum como princesa da Gaviões da Fiel, e como rainha da bateria da Lins Imperial, em São Paulo.

Melão acha o carnaval tão importante que chegou a reduzir até sua agenda de shows para ficar ?inteira? no desfile.

?Estou fazendo tratamento para combater celulites, já fiz drenagem linfática, peeling e farei tudo que for possível para deixar tudo em cima?, conta a beldade de 21 anos que costuma frequentar a praia da Barra pelo menos três vezes por semana.

Embora goste muito do Rio, Daiane Cri

Fonte: Ego, www.ego.com.br