Musa híbrida de Caetano Veloso, Ildi Silva mostra sua mistura genética na revista Vip

Além da genética, Ildi também é híbrida nos lugares onde morou

A atriz Ildi Silva, capa da revista "VIP" de outubro, é comprovadamente uma "Musa híbrida", como cantou Caetano Veloso, seu ex-affair. Em entrevista, ela conta que seu DNA foi estudado a pedido da BBC de Londres, e o resultado mostrou que o baiano tinha razão: Ildi é 75% europeia, 19% negra e 6% ameríndia. "Minha vó paterna é negra. Meu avô era branco e tinha olho claro. A família da minha mãe descende de holandeses, mas tem misturas também. Uma das duas famílias teve antepassados ameríndios", conta a atriz.

Além da genética, Ildi também é híbrida nos lugares onde morou. Considera-se uma "bapaioca", mistura de baiana, paulista e carioca. Nasceu na Bahia, onde viveu até os 16 anos. Depois se mudou para São Paulo. Atualmente mora no Rio, onde vive há cinco anos. Aproveita a praia para correr 6km por dia para afinar o "quadril avantajado, uma influência dos negros". "Vou do Arpoador até o final do Leblon e volto", diz Ildi.



Sobre o affair com Caetano, há três anos, a morena prefere continuar discreta. "Nunca falei sobre isso. Não faz diferença, eu acho. O que eu digo é que somos muito amigos, temos muito carinho um pelo outro". Sobre a música "Musa híbrida", feita especialmente para ela, Ildi diz que não tem um trecho preferido. "Gosto da música como um todo. Acho linda a música. O Caetano é genial", diz a moça, que atualmente namora o empresário mineiro Régis Campos.

Fonte: Ego, www.ego.com.br