Larissa Riquelme revela estar 10 quilos mais gostosa

Larissa Riquelme revela estar 10 quilos mais gostosa

Musa diz que estava doente e muito abaixo da forma normal em 2010.

Larissa Riquelme causou alvoroço no estádio Monumental de Nuñez, onde sofreu com a derrota por 3 a 0 do Paraguai para o Uruguai na final da Copa América. A musa paraguaia chamava a atenção dos torcedores e garantiu não ligar para as críticas que vem recebendo por estar mais gordinha. A modelo admite ter engordado dez quilos desde a Copa do Mundo de 2010, quando foi descoberta torcendo em Assunção com um telefone celular no decote.

- Na época da Copa do Mundo estava com um problema de saúde, sofria com uma tireóide. Estava com 49 quilos. A diferença se nota. Por isso que muitas pessoas falam que ganhei peso. Todo mundo vê a diferença. Não sabiam que estava com este problema no Mundial e que agora me recuperei. Tenho 1,71 de altura e peso 59 quilos agora. Estou abaixo do meu peso - disse Larissa Riquelme, que estava em Lima, no Peru, onde participou de uma ação publicitária da companhia telefônica com quem tem contrato e só chegou na manhã deste domingo a Buenos Aires para prestigiar a decisão.

Larissa acompanhou todos os jogos do Paraguai nesta Copa América. E passou a ter concorrência de outras modelos nos estádios. As críticas aumentaram por causa das presenças de beldades nas arquibancadas como as paraguaias Patty Orue e Egny Eckert, eleita a Miss Paraguai no ano passado, que estão mais magras do que a musa do Mundial. As duas também estavam, neste domingo, no Monumental de Nuñez para a decisão da Copa América e acompanharam a final no lado oposto de Larissa no estádio.



- Não sou uma pessoa que é muito magra, sem peito, sem bunda. Sou muito mais carnosa. Estou mais gostosa. Há mais lugares para agarrar - brincou Larissa.

Garantindo estar em forma, Larissa não se conteve durante a final. Nervosa, a modelo não fechou a boca. Comeu cachorro quente, bebeu refrigerante normal e ainda se deliciou com uma saborosa barra de chocolate. Com a derrota iminente, Larissa deixou o estádio Monumental momentos antes do terceiro gol uruguaio marcado por Forlán para evitar o assédio e não precisar observar a comemoração do título do rival. Mas mandou um aviso aos brasileiros.

- Podem me esperar que em 2014 (Copa do Mundo) estarei no Brasil - disse a musa, sem falar se vai comparecer, também, na Copa das Confederações, um ano antes.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com