Naldo entrará na justiça para impedir que ex cite seu nome e de Hellen; veja

Naldo revelou a guerra que trava com a ex-mulher para que o filho volte a estudar.

Depois de declarar que a ex-mulher, Branka Silva, já o ameaçou de morte com uma arma por duas vezes, o cantor Naldo irá entrar com uma ação proibindo a ex de falar sobre sua vida pessoal ou fazer qualquer menção ao seu nome e da atual mulher, Ellen Cardoso. Ações semelhantes foram expedidas contra Viviane Araújo, proibida de falar de Belo na época da ?Fazenda?, e com Kamyla Simoni, a ex-amante de Tony Sales.

?Ellen quer entrar com um processo contra Branka por calúnia e difamação. O que minha companheira ouviu, de ser xingada de mulher que faz programa fez muito mal a nós. Agora chega?, desabafa o cantor, que segue na luta para que Pablo volte à escola após quase quatro anos. ?Branka usa o Instagram do meu filho para fazer ataques contra mim. Ontem mesmo conversei com ele por telefone e confirmou não ter escrito nada daquilo?, afirmou Naldo. Ele se referia a suposta declaração de Pablo: ?Minha mãe não é assassina! É tudo mentira! Eu não tive culpa na morte da sua mãe, e você vai acabar matando a minha?.

Em recente entrevista , Naldo revelou a guerra que trava com a ex-mulher para que o filho volte a estudar. "Há pouco tempo descobri que meu filho está há quase quatro anos sem estudar. Ela argumenta que foi por conta do relacionamento, mas foi ela que tornou isso público por meio das redes sociais. Em 2011, matriculei ele numa escola particular, um dia depois ela o tirou. Desde que nos separamos, tento que ele volte a estudar. Assim como botei ele no Flamengo para jogar basquete, fazer natação e musculação e ela tirou. O que tento fazer para ter uma linha de harmonia com meu filho ela bloqueia e depois vai para a mídia dizer que eu não presto".


Naldo vai à Justiça para tentar proibir ex-mulher de citar o seu nome e de Moranguinho

Fonte: Extra