Nana Gôuvea pára o barracão da escola de samba Viradouro com fotos sensuais

A modelo, que desfila como musa da escola este ano, atraiu todos os olhares dos rapazes

Nana Gôuvea, literalmente, parou o barracão da Viradouro para fazer algumas fotos sensuais, neste fim de semana, na Cidade do Samba, no Rio. A modelo, que desfila como musa da escola este ano, atraiu todos os olhares dos rapazes que trabalhavam duro no local para dar os últimos retoques nas alegorias e posou entre alegorias e tamborins.

"O ensaio foi bacaníssimo, divertido. O pessoal do barracão, os fotógrafos e eu rimos muito. Todo mundo parou de trabalhar para assistir", conta Nana, que recebeu o convite para ser musa durante um ensaio da agremiação de Niterói, no começo de janeiro. "Eu não estava me programando para desfilar este ano, mas comecei a ir em ensaios e sugiram convites. Fiquei superfeliz e emocionada quando o presidente me chamou. Sou apaixonada pelo carnaval e a Viradouro foi uma das escolas pela qual eu desfilei no meu primeiro ano de Avenida, em 1996", explica.

A fantasia da modelo já está em ritmo adiantado, mas ela ainda não sabe em que lugar irá desfilar. Ela entrará na Sapucaí usando o figurino "Encanto para Orixá". "Não sei ainda se venho no chão ou no carro ainda. Tem dois lugares disponíveis para mim, mas ainda não está resolvido. Eles estão me tratando com um carinho fantástico. Minha fantasia é um biquíni e será cheia de cristais Swarovski e penas de rabo de galo", revela a moça.

Madrinha

Além de desfilar como musa da Viradouro, Nana também sairá como madrinha da Império da Tijuca, escola do grupo de acesso do Rio, e da Samuca, agremiação do carnaval de Rio Claro, no interior de São Paulo. Ela encerra a maratona de folia no Bloco do Ivo, que sai pelas ruas do Recreio, bairro carioca.

"Eu já tinha sido rainha da Império em 2007 e o presidente me chamou para voltar este ano. Gosto muito de lá. Para ir aos ensaios, pego o meu carro, vou sozinha e o pessoal cuida muito de mim. É uma escola humilde, mas está tudo muito lindo. Depois de desfilar no sábado, eu viajo para São Paulo e saio pela Samuca, agremiação do Mauro Quintaes, da São Clemente. É o segundo ano que eu vou", enumera a modelo, que não pretende badalar durante o carnaval. Não vou a camarote porque não vou poder assistir aos desfiles. Talvez no sábado das campeãs se a Viradouro não estiver lá...", acrescenta.

Exposição do corpo

A exposição de seu corpo não é um tabu para Nana, que já posou oito vezes nua e mantém a boa forma malhando, dormindo bem e mantendo distância da bebida. "Eu malho o ano todo, mas minha vida não tem rotina. Às vezes eu vou todos os dias da semana e às vezes não vou nenhum. Além disso, me alimento bem, não bebo, não como carne vermelha e durmo muito. Acho que meu principal segredo de beleza é dormir", acredita.

Apesar de ser considerada umas das mulheres mais desejadas do carnaval, ela garante que não ouve cantadas e atribui isso ao seu "sorriso sério". "Não sou muito assediada. Tenho uma postura que repulsa um pouco, que mantém uma distância. Tenho um amigo que diz que eu tenho um "sorriso sério". Sorrio, mas não dou liberdade. Não ouço cantadas e tiro muito mais foto com mulheres, crianças e principalmente senhoras", destaca a modelo.

Vida afetiva

Perguntada se está namorando, Nana afirmou estar solteira desde agosto, mas não escondeu que vem dando uns "beijinhos por aí". A identidade do felizardo ele não revela de forma alguma, mas fez questão de esclarecer que não está beijando vários homens. "Não tenho idade para ficar né? Deixo isso para as minhas filhas", ri a musa, que tem duas meninas, Daphyne e Angel, de 16 e 15 anos.

Namorado cuimento? Ela não aceita de forma alguma. Segundo a modelo, os homens com quem fica tem que respeitar seu trabalho. "Sempre namorei com pessoas que me respeitassem. Tem que aceitar a minha vida. Tenho 23 anos de carreira e foi meu trabalho que me trouxe até aqui. Dou mais valor a ele que a um namoro", garante.

Fonte: Ego, www.ego.com.br