Padre procura por canário belga furtado da igreja

Fiéis se amontoavam para ver o pássaro cantar

O padre Gabriel Figura, pároco da Igreja Nossa Senhora das Dores, no Bairro Bigorrilho, em Curitiba, já se envolveu em polêmica com os fiéis por causa de uma mula. Agora, ele virou vítima de um furto e está à procura do pássaro preferido da paróquia, um canário belga cantador, levado recentemente.

O canarinho sumiu em 20 minutos de distração, obra de um ladrão que respeitou, ao pé do altar, o Sétimo Mandamento Divino. Há cinco anos, o pássaro era o orgulho da paróquia, conhecida em Curitiba como a igreja dos passarinhos.

O padre acha que foram os dotes do cantador que despertaram a cobiça de alguém. O canarinho era desinibido e os fiéis se amontoavam para ver e ouvir o bichinho. Ele suspeita que o crime foi planejado, pois o ladrão o esperou sair para almoçar e a igreja ficar vazia para levar o passarinho.

?Quem levou este canarinho, eu diria que tem um coração muito frágil, muito pequeno. Roubou a alegria das crianças?, lamenta o padre.

Em setembro de 2008, o padre chegou a ter uma mula de estimação, e só não entrou com ela na missa porque alguns fiéis não gostaram. Ele defende o animal. ?Ela é uma mulinha missionária, evangelizadora, bíblica. Ela é demais! Essa mulinha só falta falar?, afirmou.

A vaga do canário cantador não deve ficar vazia. Um criador vai doar outro canário.

Mas padre Gabriel ainda tem esperança de que o ladrão se arrependa. E, como manda a Bíblia, ele garante, vai perdoar. ?O perdão é de Deus, o errar é humano. Se ele me devolver fazemos uma grande festa?, diz.

Fonte: AE/G1