R$ 40 mil: Luana Piovani festeja condenação de Dado Dolabella

R$ 40 mil: Luana Piovani festeja condenação de Dado Dolabella

Procurado, o advogado de Dado, Marco Aurélio Asseff, avisou que vai recorrer.

Por decisão em 2ª instância da 11ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, Dado Dolabella terá que pagar R$ 40 mil a Esmeralda de Souza Honório, a camareira que teria sido agredida por ele durante uma briga entre o ator e sua então namorada Luana Piovani, em 2008.

Procurado, o advogado de Dado, Marco Aurélio Asseff, avisou que vai recorrer.

?Existe uma lei que proíbe o enriquecimento ilícito. Na visão da defesa, este valor é surreal. Além disso, existe um dito popular que diz ?em briga de marido e mulher, não se mete a colher?. Dado ficou surpreso com a decisão. Ele tem consciência de que não praticou crime algum e sente na pele o preconceito por ter sido processado?, afirmou Asseff.

No Twitter, Luana comemorou a condenação. ?A gente sente um leve cheiro de justiça?, escreveu a atriz.

Segundo a advogada de Dona Esmê, Maria José Arruda de Almeida, a camareira ficou satisfeita com a decisão: ?Para ela, a justiça foi feita. Por mais que não se consiga apagar uma agressão, esta condenação é um reconhecimento de que ela sofreu um dano moral e ficou com as duas mãos imobilizadas, sem poder trabalhar?.

Fonte: O Dia Online