Real Madrid empata com o Lyon na França pelas oitavas da Liga dos Campeões

As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 16 de março, no Estádio Santiago Bernabéu, em Madri.

O retorno de Karim Benzema ao Estádio Gerland não será recordado positivamente pelo torcedor do Lyon. Na noite desta terça-feira, horário europeu, o atacante francês, autor do gol da vitória do país no último amistoso contra o Brasil, anotou diante dos ex-torcedores. Entretanto, o Real Madrid, atual clube do atleta, não resistiu e cedeu o empate por 1 a 1, em confronto válido pela primeira rodada das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa.

Principal jogador do Lyon nos últimos anos, especialmente depois da saída do meio-campista brasileiro Juninho Pernambucano, Benzema foi extremamente aplaudido ao entrar em campo nesta terça-feira. Contudo, logo em seu primeiro lance, mostrou enorme tranquilidade e colocou o Real Madrid à frente no placar.

Abatido, o Lyon buscou a reação com base nas bolas aéreas, aproveitando a maior fragilidade da defesa do time de José Mourinho. E a estratégia deu certo. Após cruzamento da direita, o brasileiro Cris desviou e viu a bola cair para Gomis. O atacante do clube francês, mesmo em noite pouco inspirada, estufou as redes de Casillas e decretou o empate.

A igualdade, no entanto, favorece o Real Madrid. Com o gol anotado fora de casa, o Real Madrid joga pelo empate sem gols para afastar a "maldição das oitavas de final" - nos últimos seis anos a equipe da capital espanhola acabou eliminada nesta etapa. Ao Lyon, resta a vitória ou a igualdade acima de dois gols.

As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 16 de março, no Estádio Santiago Bernabéu, em Madri. Na temporada passada, o Lyon obteve um empate por 1 a 1 e calou a torcida, que via a primeira temporada de Cristiano Ronaldo e Kaká com a camisa do time merengue.



O jogo

Apesar do ótimo retrospecto a favor diante de uma das maiores equipes do mundo, o Lyon, jogando em casa, entrou estrategicamente armado para parar as principais armas do Real Madrid. Com um sistema de marcação forte, a agremiação francesa iniciou o confronto dominando o adversário; entretanto, sem assustar, de fato, a meta defendida pelo goleiro espanhol Iker Casillas.

Apesar do domínio da posse da bola e do ótimo controle defensivo, o Lyon criou a primeira oportunidade somente aos 33min. O brasileiro Michel Bastos, que disputou a Copa do Mundo de 2010 pelo antigo time comandado por Dunga, cruzou para dentro da área na direção da entrada da pequena área. Casillas falhou e deixou a bola nos pés de Gomis, que isolou e desperdiçou a única grande chance da primeira etapa.

O placar zerado dentro de casa obrigou o Lyon a sair mais para o confronto na segunda etapa. Mais exposto, o Real Madrid encontrou espaços pelas laterais e impôs a maior qualidade técnica aos poucos durante o duelo. Logo aos 3min, Cristiano Ronaldo cobrou falta do lado esquerdo diretamente para o gol de Hugo Lloris e a bola carimbou o poste esquerdo do francês.

O primeiro susto para a meta do clube mandante apenas evidenciou o retrato do segundo tempo. Aos 4min, após cruzamento para a área, Sergio Ramos subiu mais alto que a defesa adversária e carimbou o travessão de Lloris.

Observador, o técnico José Mourinho chegou à solução de que o problema era o finalizador da equipe. Dessa forma, o apagado e muito marcado Emmanuel Adebayor deixou o gramado aos 19min para a entrada do "mandante" Karim Benzema. A alteração mudou o frio público do Estádio Gerland. No momento do anúncio, os torcedores do Lyon aplaudiram o atacante francês, antigo ídolo do clube.

Entretanto, os aplausos foram interrompidos logo no primeiro lance de Benzema na partida. Aos 20min, Mezut Özil fez linda jogada pela esquerda e tocou para Cristiano Ronaldo, que teve apenas o trabalho de dar um tapa na bola para deixar Benzema em ótima situação dentro da área. Frio e oportunista, o camisa 9 cortou dois zagueiros e tocou entre as pernas de Lloris para abrir o placar.

O gol abateu o Lyon dentro de campo. Pouco inspirado, o Lyon apostou em bolas aéreas e obteve a igualdade aos 38min, evitando um revés que praticamente o eliminaria do torneio. Após cruzamento da direita, Cris desviou na direção de Gomis, que finalizou de primeira e venceu Casillas, decretando o 1 a 1 em Gerland.

Fonte: Terra, www.terra.com.br