Sexta-feira tem a balada Sophistic no Theresina Hall

Teresina recebe o evento Sophistic Noir, com grandes atrações.

Sophistic Noir

Proporcionar momentos únicos. Dar chance ao inesperado. É disso que estamos falando. Será uma sexta-feira diferente, dia 16 de setembro. Teresina recebe o evento Sophistic Noir, com grandes atrações em uma atmosfera inédita, montada no foyer do Theresina Hall.

A festa contará com um line up de tirar o fôlego, começando com a consagrada Maverick 75 e Jhama, ex-integrante do Trio Ternura, dono de um repertório animadíssimo, com os mais variados ritmos.

Fazer um evento é entregar boas experiências, surpreender no momento certo, entregar a sua mensagem, deixar a sua marca pra sempre na memória dos envolvidos. Esse é o objetivo da Sophistic. Duas atrações eletrônicas diferenciadas foram convocadas para fazer esse evento ser inesquecível, os cachorros loucos do Mad Dogz e Sr. Smith, um dos maiores hits do país na atualidade. Você vai enlouquecer com o som e as estripulias desse jovem senhor.

Mas uma superfesta também é produzido com detalhes e parcerias especiais. Como parceiros, duas grandes marcas internacionais, Veuve Clicquout e Audi, que rimam perfeitamente com a sintonia entre público e conceito da festa. Os produtores deram uma atenção especial ao atendimento, oferecendo um bar premium, com serviço com excelência e produtos de primeira. Tem ainda os drinks do "Bar in the box", do empresário Thiago Peixoto, que leva toda uma produção na apresentação visual do espaço.

AS ATRAÇÕES

Mad Dogz

Tira a coleira que chegou a hora de soltar os cachorros. Do Snoop ao Guetta e diferente de tudo que você já viu, a mistura dos Mad Dogz vai sacudir a sua alma. O Mad Dogz é um projeto que nasceu no fim de 2014 e explodiu em 2015, se tornando um fenômeno de público e rebookings. Foram mais de 80 shows no ano, 12 estados diferentes e 32 cidades. Uma marca impressionante, se levarmos em consideração o tempo de vida do projeto.

Os Mad Dogz não se limitam a um estilo, eles experimentam vertentes musicais diversas com o objetivo de inovar e surpreender a cada show. Eletronic Dance Music, Hip Hop, Trap, Rock n’ Roll e até Funk Carioca em remixes surpreendentes, tudo misturado com vodka e uma pitada de loucura. Esses são os ingredientes de um show explosivo.

O ano de 2015 foi incrível, culminando com uma avalanche de shows no mês de dezembro, entrando um janeiro muito movimentado e fechando a temporada de verão com uma apresentação épica no maior espetáculo da Terra, a Marquês de Sapucaí. Os Dogz fizeram história no Camarote É o Amor, da dupla Zezé de Camargo e Luciano. O resultado disso não poderia ser outro, agenda lotada para 2016.

Irreverência, alegria, interação em uma performance explosiva testada até no Garota White, o evento autoral da estrela Wesley Safadão, que aconteceu no último mês de abril em Teresina. Muito mais que um show de música eletrônica, um show pra marcar sua vida. Dispensa a carrocinha, tá na hora de soltar os cachorros.

Sr. Smith

Sr. Smith, um vovô badalado e cheio de energia. Famoso, ostentador e com fôlego de de um menino de 20 anos, Sr. Smith faz da balada sua diversão com um set contagiante e uma performance incrível.

Carismático, popularizou seu nome na cena, se destacando por suas apresentações nas melhores labels e baladas 'premium' do Brasil. Apaixonado pela música eletrônica e com um feeling de pista apurado, seu set faz um passeio entre o os gêneros House, Tech House e Techno.

Marcada por um groove agressivo, DJ Sr. Smith, o velhinho mais querido das weekends e baladas premium do Brasil.

Maverick 75

Coloque todos em fila na parede, e eles serão a mais improvável boa banda de Rock ’n’ Roll que existe por aí. Assim foi com a banda Maverick 75 desde o seu começo, em 2004. A primeira formação composta por amigos e estudantes, buscava uma certa química que pudesse resultar em um certo tipo de música. Com poucas pretensões, acabaram passeando por palcos inimagináveis. Boates, clubs, eventos alternativos, festivais. Abertura de shows, como dos Os Paralamas do Sucesso e Titãs, fazem parte de uma trajetória especial para os membros da banda e seu público. Em meio a hiatos motivados pelo Rock ‘n’ Roll e pela busca do equilíbrio de personalidades e instrumentos, a Maverick lançou em 2012 o single “You’ll Never Steal My Mind”, o primeiro trabalho autoral da banda, um som com uma “pegada humana” autêntica.

O novo álbum do Maverick 75 está incrível, com rock n' roll de altíssimo nível. Som para ser ouvido e degustado, disponível nas principais lojas virtuais como Itunes e Spotfy. O carro chefe é Shuddering Fear. O público pode conferir o clipe na fan page da banda. O álbum foi gravado no lendário estúdio carioca Toca do Bandido, que já gravou os maiores nomes do país.

Intregram o grupo, Matheus Emérito (vocal), Rafael Freitas (guitarra), André Rodrigues (bateria), Márcio Bigly (guitarra), Enaldo Júnior (sax), Fernando Mendes (baixo) e Edilson de Sousa (teclado/piano).

@maverick75band

Jhama

Pontos importantes:

- Protagonista da musica/clipe "Essa mina é louca" ao lado de Anitta.

- Ele é o autor de Essa mina é louca e Te ensinei certin

- Ex integrante do Tri Ternura, um Trio que marcou uma época formada pelo global Thiago Martins, Dhum e Jhama.

Você já deve ter cantarolado alguma música de Jhama e nem sabia. Duvida? É dele a música "Te ensinei certin", sucesso na voz de Ludmilla, e tem três músicas de sua autoria no novo álbum de Anitta, Bang: "Essa Mina é Louca", que compôs sozinho e gravou junto com a cantora, "Sim", parceria com Anitta e Cone Crew, e o reggae pop "Cravo e Canela", que dividiu com Pablo Bispo.

E não pense que ele começou agora. Jhama começou na música aos 12 anos. Experimentou vários gêneros e acompanhou muitos cantores nessa trajetória, como Jorge Aragão, que é seu padrinho musical. Eclético, versátil, domina o violão e toca outros instrumentos como cavaco, contrabaixo, percussão, guitarra, piano e sax. Este ano lançou dois projetos, o “JhamaSessions”, onde posta em seu Canal no YouTube, vídeos de seus ensaios e pré-shows.


Fonte: Ascom