Sthefany Brito afirma: "Temos que morrer acreditando no amor"

Sthefany Brito afirma: "Temos que morrer acreditando no amor"

A atriz tem contado com o apoio da família e do namorado, o estudante Igor Raschkovsk, de 22 anos.

?Não saio daqui enquanto não acertar?, afirma Sthefany Brito olhando em direção ao bailarino Leandro Azevedo. Ofegantes, os dois retomam a coreografia e emendam o passo de dança em uma pirueta com direito a uma elevação que faz a atriz girar em 360º. O instrutor faz uma exclamação de dor e, em seguida, cai na gargalhada. ?O salto bateu na minha testa?, diz Leandro bem-humorado, mostrando a marca que a sandália da atriz fez em seu rosto.

A cena faz parte dos ensaios dos concorrentes da nona edição do quadro ?Dança dos Famosos?, sucesso do programa ?Domingão do Faustão?, que estreou no dia 13 de maio. Sthefany está entre os 12 participantes, compostos por seis homens e seis mulheres.

Apesar de quase não ter experiência com dança ? a atriz de 24 anos diz ter feito balé apenas quando era pequena ? Sthefany tem pelo menos um ponto a seu favor: a experiência de Leandro, que participa do quadro pela terceira vez e foi campeão ao lado de Juliana Didone na segunda temporada do programa.

?Definitivamente a Sthefany é a melhor aluna que já tive por ser muito dedicada?, afirma ele, que é dançarino profissional há 15 anos. Apesar do elogio, Leandro não deixa de cobrar a aluna famosa. ?Com relação a maioria, os demais já terminaram a coreografia e nós ainda não?, pontua ele, que tem ensaiado junto com a parceira duas horas por dia, de segunda à sexta-feira.

Sthefany diz ter ficado receosa com a participação no programa, mas garante que a empolgação tem superado qualquer insegurança. ?Realmente é tudo novidade. Pensava: ?E se eu não conseguir? E se eu sair logo???, conta ela, que já havia sido convidada para participar do quadro, mas não pôde aceitar por conta de outros compromissos.

A atriz tem contado com o apoio da família e do namorado, o estudante Igor Raschkovsk, de 22 anos, com quem está há pouco mais de um ano. Quando o assunto são as coreografias sensuais ? essa semana o ritmo será o forró ? ela afirma que os ensaios não deixam Igor com ciúmes: ?Ué, é igual fazer novela. Eu sou atriz. E agora dançarina?. E completa: ?Acho que o segredo é confiança e isso a gente tem. Eu posso estar dançando, beijando na novela, que é ele o meu namorado. E ele sabe disso?.

Questionada se ainda acredita no amor ?Sthefany Brito se casou com o jogador Alexandre Pato em 2009, quando abandonou a carreira artística para viver na Itália com o marido, e se separou 9 meses depois ? responde bem-humorada: ?Ninguém me matou e eu não matei ninguém (risos). Claro, óbvio, a gente tem que morrer acreditando no amor?.

Sempre assistiu o programa?

Sthefany Brito: Assisti várias vezes, mas acompanhei mais a penúltima edição que tinha o Bruno de Luca e a Fernanda Souza. Torci muito para os dois e achava incrível. Falava: ?Nossa nunca vou conseguir fazer isso?. E é impressionante. Uma hora sai, uma hora você consegue e vai melhorando.

Como tem se preparado para a competição?

Sthefany Brito: A minha alimentação mudou naturalmente porque tenho muito mais fome do que em qualquer outra época da minha vida (risos). Estou comendo um pouco melhor, mais saudável, mas procuro não exagerar porque se comer algo muito pesado chego aqui e tenho mais dificuldade de dançar. Não tenho feito nenhuma atividade. Na primeira semana foram as mulheres e depois os homens e, nesse intervalo, não quis ficar parada. Fui fazer uma aula meio muay thai, meio academia, só que fiquei muito dolorida então achei melhor ficar quietinha para não acabar me prejudicando.

Já se machucou nos treinos?

Sthefany Brito: Estou com vários roxos, dei uma joelhada agora no chão, mas na hora você está com o corpo quente e nem sente. Depois vai descobrindo uns roxos, uns doloridos. Faz parte.

Qual você acredita que será o maior desafio durante a competição?

Sthefany Brito: Acho que toda semana que vier descobrir um ritmo novo, uma coreografia nova, será sempre um desafio de pegar e fazer direito. Acho que o ritmo mais difícil será o tango, mas o tango parece que é bem mais para a frente, então tomara que eu chegue até lá. Tudo é um desafio. Fico feliz de ver uma coisa que achava impossível eu conseguir fazer. Estou testando os meus limites, vendo que sou capaz.

Você disse na estreia da ?Dança? que seu namorado lhe dá o maior apoio. O que ele achou quando soube que você iria participar do quadro? Ele dá palpite? Ensaia com você em casa?

Sthefany Brito: Impossível ensaiar essas pegadas (risos). Ele dá força, todo mundo dá força. O Kayky (Brito, irmão) está em Nova York, mas assiste pela Internet. Está todo mundo na torcida e ele não é diferente.

Algumas coreografias da ?Dança? são bem sensuais. O Igor não sente ciúmes?

Sthefany Brito: Ué, é igual fazer novela. Eu sou atriz. E agora dançarina (risos). Mas não, ele não sente.

E você? É ciumenta?

Sthefany Brito: Sou, mas na medida certa, nada exagerado. Acho que o segredo é confiança e isso a gente tem. Eu posso estar dançando, beijando na novela, que é ele o meu namorado. E ele sabe disso.

Ano passado você fez ensaio sensual e topou fotos mais ousadas até em campanhas publicitárias. A que se deve esse tipo de mudança? Está se sentindo mais madura?

Sthefany Brito: Claro. Acho que quanto mais desafios na vida mais a gente se conhece, mais a gente se testa e vê do que é capaz. Por exemplo, a ?Dança?. Poderia falar que nunca vou conseguir e não vou fazer porque não sou dançarina. Eu não sou dançarina, mas estou aqui descobrindo que eu posso fazer muito mais do que achava. Um ensaio sensual foi bacana? Foi. Mas foi mais para mim do que qualquer outra coisa. Fiz porque estava me sentindo bem, segura para fazer, não foi para mostrar nada para ninguém. Foi um momento que eu achei que era certo e acho que as coisas acontecem no momento certo.

Hoje, com tantos projetos profissionais ? você acabou de sair de uma novela (?A Vida da Gente?) e começou os ensaios na ?Dança? ? como enxerga a decisão de ter abandonado a carreira profissional quando se casou?

Sthefany Brito: A minha vida sempre foi assim. Durante muito tempo emendei uma novela na outra e com o Kayky também sempre perto, todo mundo trabalhando. Quando parei foi uma escolha e depois eu escolhi voltar, então tudo na vida são as escolhas que a gente faz. Estou super feliz agora porque isso foi o que eu sempre fiz, é o que estou fazendo e é o que quero fazer.

Mas se arrepende de ter dado essa pausa?

Sthefany Brito: Não. Foi uma escolha que eu fiz. Cada escolha uma consequência. Mas faz parte.

Depois de tudo que viveu e agora com um novo relacionamento, pode-se dizer que ainda acredita no amor?

Sthefany Brito: Ué gente eu não morri não. Ninguém me matou e eu não matei ninguém (risos). Claro, óbvio, a gente tem que morrer acreditando no amor. O amor que motiva, o que a gente vive é pelo amor. O amor da família, dos amigos, do namorado, amor pelos meus cachorros. O amor é o que conduz a vida e acho que a gente tem que morrer acreditando no amor sempre.

Então você casaria novamente?

Sthefany Brito: Acho que depende do amor. Se você encontra alguém que te aflora isso de novo... Tudo é o momento da vida e a pessoa com quem você está. Se vale a pena ou não. Tem que ser feliz sempre e amar muito, beijar na boca muito, e dançar muito (risos).

As informações são da repórter Priscila Bessa, do IG

Fonte: ODIAONLINE