Ter quadril grande e coxa grossa é saudável

Ter quadril grande e coxa grossa é saudável

Perfil favoreceria controle de ácidos graxos e de processos inflamatórios

Não é a primeira vez que as coxas grandes chamam a atenção dos cientistas e inspiram estudos sobre sua relação com a qualidade de vida de suas portadoras.

Agora foi uma equipe liderada pelo pesquisador Konstantinos Manolopoulos, do Centro para Diabetes, Endocrinologia e Metabolismo da Universidade Oxford, que concluiu: tamanho extra de coxas, nádegas e quadril é um ótimo negócio também para a saúde, porque protege de doenças cardíacas e diabetes.

A gordura, nestes casos, controlaria ácidos graxos e secretaria agentes anti-inflamatórios, os hormônios leptina e adiponectina.

Suas conclusões foram divulgadas no site da universidade , que não usou uma foto tão glamourosa para ilustrar a pesquisa.

Traseiro grande e coxa grossa, portanto, são preferíveis à gordura ao redor da cintura. Em outras palavras, um corpo no formato de pera ganha de um corpo em forma de maçã. Um resumo da pesquisa foi publicado na revista ?International Journal of Obesity? nesta terça-feira (12). Também participam da pesquisa Fredrik Karpe e Keith Frayn.

Fonte: Globo, www.globo.com