Val Marchiori diz estar sendo "perseguida e coagida" pelo ex

O bilionário dono da empresa Big Frango Evaldo Ulinski seria seu ex-marido.

Segundo o site Ego, uma das estrela do programa "Mulheres Ricas", a socialite Val Marchiori enviou uma nota escrita por seus advogados em que afirmam que ela tem sofrido ""perserguição e verdadeira violência doméstica, psicológia" por parte do ex-marido - que aliás já negou em entrevista que tenha sido casado com ela -, o bilionário dono da empresa Big Frango Evaldo Ulinski.



"Cumprindo suas ameaças, Evaldo está orquestrando campanha difamatória e cooptação de pessoas suscetíveis ao seu poder econômico para obter declarações mentirosas, com objetivo evidente de destruir sua reputação e inviabilizar sua promissora carreira. Dentre as suas últimas investidas, que já afirmou irá soltar na mídia imediatamente, seria uma tal declaração obtida de um dos irmãos de Val que com ela não se dá há mais de dez anos, denegrindo a imagem da irmã, o que recebeu repulsa imediata de todos seus familiares, revoltados com o episódio", diz um trecho da nota oficial enviada pelos advogados de Val.

"Val já tem contratados advogados nas esferas civil, criminal (inclusive quanto a crimes de internet) cujos processos já se encontram ajuizados na defesa dos direitos e interesses dela e de seus filhos. E outros ainda virão. O conhecido empresário Evaldo não se conforma com a ruptura da relação e atualmente só tem interesse por assuntos que possam prejudicar a pessoa de Val", finaliza a nota.

A socialite afirmou que está com medo. "Estou sendo perseguida, só saio de casa com escolta agora", disse ela.

Já Evaldo Ulinski afirmou que o processo está em segredo de Justiça e preferiu não se pronunciar sobre o assunto.

Fonte: EGO